‘Assassin’s Creed III’ será lançado no Brasil em português

Bertrand Chaverot, diretor da Ubisoft Brasil, diz ao site de VEJA que a franquia é a mais popular no país e que 70 atores participarão da localização do game

Los Angeles – Assassin’s Creed III chegará ao Brasil em outubro e será totalmente dublado para o português. A promessa é de Bertrand Chaverot, diretor-geral da Ubisoft Brasil, que recebeu a reportagem do site de VEJA no estande da companhia na E3, a maior feira de jogos eletrônicos do mundo, realizada em Los Angeles, nos Estados Unidos.

A empresa foi uma constante em todas as coletivas de imprensa que antecederam o evento e lançará, no final do ano, ZombieU, um game exclusivo para o Wii U, o novo console da Nintendo. “É uma honra participar desses eventos. Eles são muito importantes para as nossas vendas no Natal”, explica o executivo.

O jogo Assassin’s Creed III acontece durante o século XVIII, em meio à Revolução Americana (1775-1783). Personalidades do conflito podem ser encontradas ao longo da trama, como George Washington. Confira, a seguir, a entrevista do francês Chaverot concedida ao site de VEJA:

Veja.com – Qual será a principal aposta da Ubisoft para o mercado brasileiro?

Bertrand Chaverot – Nem todos os jogos serão lançados simultaneamente, então, em termos de volume, será o Assassin’s Creed III. Em 2010, o Assassin’s Creed foi nosso título mais vendido no Brasil, com mais de 50.000 cópias no lançamento. No ano passado, vendemos 150.000 cópias. Assassin’s Creed III será totalmente dublado em português. São mais de 70 atores brasileiros que vão gravar as vozes. O investimento foi de 500.000 reais. Nossa previsão é de chegar às 300.000 cópias ao final de 2012.

Veja.com – Qual será o principal diferencial de Just Dance 4 no Wii U, o novo videogame da Nintendo?

BC – O Wii U possui novos recursos e com o controle o usuário vai poder dirigir as coreografias dos demais jogadores. Será possível inserir armadilhas e bônus.


Veja.com – Neste ano, Microsoft, Sony e até mesmo a Nintendo decidiram apostar muito forte no conteúdo. Essa é uma tendência de mercado?

BC – As empresas estão dando mais importância para o conteúdo do que para o hardware. Temos que investir na qualidade. Just Dance 4, por exemplo, tem as melhores músicas. No ano passado, nossa grande surpresa na E3 foi o Rocksmith, simulador de guitarra, já neste ano a novidade fica por conta de Watchdog. O game foi desenvolvido a partir da ideia de que todos nós estamos conectados através de redes, sejam elas de telefone, de internet ou de segurança.

Veja.com – Nesta edição da E3, as produtoras ousaram menos e preferiram destacar séries renomadas e com potencial de venda. Essa é uma resposta à crise pela qual passam os Estados Unidos e a Europa?

BC –  É muito difícil criar uma nova saga. Construir uma marca é um investimento milionário e envolve novas tecnologias, novas jogabilidades. Há um grande investimento em marketing para que o jogo apareça no radar da mídia. Nos últimos dez anos, a Ubisoft foi quem mais criou novas franquias, embora essa seja uma aposta arriscada. O Watchdog, por exemplo, está sendo desenvolvido há dois anos e com um time de 100 pessoas.

Veja.com Qual a importância do Brasil para a Ubisoft?

BC – Neste ano, vamos investir três vezes mais em marketing do que em 2011. A base instalada de consoles está crescendo e as vendas de jogos seguem essa curva. No final 2010, tínhamos no Brasil 1 milhão de consoles. Nos Estados Unidos a base é de 100 milhões. No fim de 2011, contudo, já tínhamos 2,5 milhões. A expectativa para 2012 é fechar o ano com 4 ou 5 milhões de videogames no país. Nos Estados Unidos, no entanto, o crescimento chegou a um limite. Em 2015, nossa previsão é de mais de 10 milhões.

Veja.com – O lançamento dos jogos apresentados pela Ubisoft na E3 acontecerá simultaneamente nos Estados Unidos e Brasil?

BC – Sempre ocorrem 15 dias de atraso, por conta da alfândega. Mas, no final do ano, vamos publicar os games da Ubisoft no Brasil e isso deve reduzir essa janela. Em agosto, teremos Farcray 3. Em outubro, será lançado Just Dance 4, com músicas da Disney, como Selena Gomez e Hannah Montana. Também teremos Assassin’s Creed III e Splinter Cell: Blacklist, no início de 2013. Os jogos para Wii U serão lançados na mesma data do console da Nintendo.