Artista de rua é eleito personalidade do ano na Internet

Com sua exposição 'Better Out Than In', Banksy cativou um grande público, a quem oferecia a cada dia uma nova obra de arte nas ruas

O artista de rua britânico Banksy foi eleito personalidade do ano na Internet durante os Webby Awards, que premiam todos os anos pioneiros da rede.

O artista, que nunca foi formalmente identificado e vive recluso, foi recompensado por uma exposição organizada em outubro sobre as ruas de Nova York.

Banksy não foi receber o prêmio. A cantora Patti Smith, que entregaria o troféu a ele, ironizou: “Tenho uma confissão a fazer, eu sou Banksy”.

A recompensa foi entregue ao apresentador dos Webby Awards, o comediante Patton Oswalt, que leu um discurso do artista, brincando: “Alguém pintou sobre ele”.

Com sua exposição “Better Out Than In”, Banksy cativou um grande público, a quem oferecia a cada dia uma nova obra de arte nas ruas, que eram fotografadas e divulgadas em seu site http://www.banksyny.com e em sua conta do Instagram.

Algumas de suas obras foram duramente criticadas pelos proprietários das casas onde foram pintadas, assim como pelo prefeito nova-iorquino da época, Michael Bloomberg.

A cerimônia também comemorou o 25º aniversário da World Wide Web. Seu inventor, Tim Berners-Lee, referiu-se ao debate sobre a neutralidade da Internet. “A Internet deve ser gratuita, aberta e neutra. Depende de nós”, declarou sob uma salva de palmas.

Os Webby Awards premiam a excelência na Internet. Criados em 1996, neste ano receberam 12.000 candidaturas provenientes de cerca de 60 países.