Apple tem planos grandiosos para 2014, diz Tim Cook

Em sua mensagem de fim de ano, o CEO Tim Cook diz que a Apple tem planos grandiosos que os consumidores vão adorar

São Paulo — Se depender do que diz o CEO Tim Cook, 2014 será um grande ano para a Apple. Em sua mensagem de fim de ano, enviada aos funcionários da empresa, Cook diz que tem “planos grandiosos” para 2014.

A mensagem de Cook foi publicada pelo site 9to5Mac. A parte sobre os planos está no último parágrafo: “Temos muita expectativa sobre 2014, incluindo alguns planos grandiosos que achamos que os consumidores vão adorar”, afirma Cook. Ele prossegue:

“Estou extremamente orgulhoso por estar ao lado de vocês à medida que pomos inovações a serviço dos mais profundos valores e aspirações da humanidade. Considero-me a pessoa mais sortuda do mundo pela oportunidade de trabalhar nesta empresa impressionante com todos vocês.”

O que seriam esses planos grandiosos? Sabemos que a Apple anda testando opções de tela maior para o iPhone. Há grande expectativa de que a empresa apresente um iPhone de 4,5 polegadas ou mais no segundo semestre.

Também sabemos que há uma equipe em Cupertino trabalhando num relógio inteligente, que ganhou o apelido iWatch. Notícias que circularam neste ano indicam que há mais de cem pessoas nesse projeto. É possível que ele vire realidade em 2014.

A Apple tem se movimentado na área de TV e pode apresentar novidades nela. Mesmo que não lance uma linha própria de televisores (um rumor persistente sobre o qual há dúvidas), ela pode, por exemplo, criar um serviço de TV sob demanda.


Por fim, vale notar que a Apple contratou executivos da indústria da moda em 2013. Entre eles está Paul Deneve, que foi CEO da Yves Saint Laurent. Logo, podemos esperar um fortalecimento do caráter “fashion” dos produtos da empresa em 2014.

Retrospectiva

Cook abre o texto fazendo uma retrospectiva do que a Apple fez em 2013. Ele destaca produtos como iPhone 5s, iOS 7, iPad Air, OS X Mavericks e o Mac Pro, o computador no estilo Darth Vader que começou a ser entregue na semana passada.

“Também comemoramos 50 bilhões de downloads na App Store, um marco que ninguém previu que atingiríamos tão rapidamente”, diz Cook.

Ele revela que a Apple doou dezenas de milhões de dólares a instituições beneficentes em 2013. A Cruz Vermelha, por exemplo, recebeu dinheiro da empresa para socorrer vítimas do ciclone que arrasou cidades nas Filipinas.

Cook ainda destaca a posição da Apple contra discriminações sociais. “Reivindicamos ao Congresso dos Estados Unidos o suporte a proteções contra a discriminação no ambiente de trabalho baseada na orientação sexual”, escreveu ele.