Apple compra divisão de modem para celular da Intel

Em acordo de 1 bilhão de dólares, empresa diz que usará patentes para criação de novas tecnologias em iPhones

São Paulo – A Apple anunciou nesta quinta-feira (25) a compra da divisão de modem para celular da Intel. O acordo foi de 1 bilhão de dólares e acontece poucos meses após a Apple ter sido condenada a pagar uma multa de 31 milhões de dólares por infrações de patentes de comunicação móvel à Qualcomm.

Com a compra, a Apple adquire 17 mil patentes da divisão que hoje conta com 2.000 funcionários da Intel. A compra deverá ser concluída no quarto trimestre de 2019.

As patentes são referentes a padrões de arquitetura e operações de modens. Mesmo com a venda, a Intel ainda mantém a capacidade de criar modem para computadores, dispositivos para Internet das Coisas e carros autônomos. Vale notar que, em 2017, a Intel comprou a empresa israelense de veículos autônomos Mobileye, em um acordo de 15,3 bilhões de dólares.

O presidente da Inte, Bob Swan, afirma que o acordo permite que a empresa direcione seus esforços em tecnologias para a rede de Internet 5G, ao mesmo tempo em que permite manter patentes importantes para a empresa.

Johny Srouji, vice-presidente de tecnologias de hardware da Apple, afirma, em nota, que a compra traz propriedade intelectual inovadora para seus próximos produtos. “Trabalhamos com a Intel por muitos anos e sabemos que essa equipe compartilha da paixão da Apple pela criação de tecnologia que oferecem as melhores experiências do mundo aos nossos usuários”, segundo Srouji.