Analista estima vida útil de produtos da Apple

iPhone, iPad, Apple Watch, iPod e MacBook têm um período de uso bem definido, diz especialista

São Paulo – A vida útil de produtos tecnológicos é constantemente questionada pelos consumidores. Nesse quesito, a Apple é uma empresa que, ao menos em termos de ciclo de atualização de software, é clara sobre o quanto espera que os seus aparelhos durem. O iPhone 5c, de 2013, por exemplo, já não recebeu o sistema iOS 11, lançado em setembro do ano passado.

Nesta semana, um levantamento feito pelo analista Horace Dedlu, fundador da empresa Asymco, chamou a atenção. Ela busca estabelecer a vida útil dos produtos da Apple com base em dados divulgados pela própria companhia. Os aparelhos são diversos, como iPhones, iPads, Apple Watches, iPods e MacBooks.

Para isso, ele subtraiu o número de aparelhos ativos, divulgado pela Apple durante o anúncio de resultados do 1º trimestre, do número acumulado de produtos vendidos. Dedlu diz que a relação pode ser determinada caso a quantidade de produtos vendidos em um período for igual ao número de produtos que foram aposentados em algum outro ano. Com essa tese, ele notou que os produtos aposentados no 4º trimestre de 2017 foi igual ao número de produtos vendidos no 3º trimestre de 2013.

Desse modo, Dedlu conclui que a vida útil dos aparelhos da Apple é de quatro anos e três meses.