Alexa que se cuide: novo alto-falante não grava conversas

A Sonos se promove como uma empresa neutra que permite que as pessoas usem serviços de música e assistentes de voz de várias grandes empresas de tecnologia

A Sonos, fabricante de um alto-falante conectado à Internet que tenta competir com Google, Amazon.com e Apple, lançou um produto para pessoas preocupadas com a gravação de suas conversas particulares por gigantes de tecnologia.

O novo Sonos One SL, que custa US$ 179, não possui microfone interno; portanto, o aparelho não pode ouvir as conversas privadas dos usuários quando estão em casa.

Uma série de alto-falantes e outros aparelhos domésticos foram lançados nos últimos anos, e muitos dos dispositivos gravam perguntas, comandos de voz e outras atividades do usuário. A prática despertou questões relacionadas à privacidade.

A Amazon empregou milhares de pessoas para ouvir gravações de voz capturadas por seus alto-falantes Echo. As palavras são transcritas, anotadas e inseridas no software para ajudar a assistente digital Alexa da empresa a entender melhor a fala humana. Google e Apple têm processos semelhantes e anunciaram diferentes maneiras de melhorar a privacidade devido à pressão de usuários ou reguladores.

“Há um grupo de pessoas, recebemos feedback, elas simplesmente não querem microfones em casa”, disse o presidente da Sonos, Patrick Spence. “Achamos que era uma boa oportunidade para fazer algo novo naquele espaço e dar tranquilidade às pessoas que desejam isso”, disse o executivo da empresa com sede em Santa Bárbara, na Califórnia.

Com isso, o novo Sonos One SL não pode ser controlado com comandos de voz, um recurso que alguns consumidores esperam usar nos chamados alto-falantes inteligentes, como os já oferecidos pela Sonos, Google, Amazon e Apple.

A Sonos continuará a vender outros alto-falantes equipados com microfone, como o Sonos One e um novo alto-falante externo de US$ 399, chamado Sonos Move, que foi lançado na quinta-feira. A empresa também anunciou o Sonos Port, de US$ 399, que permite às pessoas transmitirem músicas da Internet diretamente para um sistema de alto-falante analógico tradicional.

A Sonos se promove como uma empresa neutra que permite que as pessoas usem serviços de streaming de música e assistentes de voz de várias grandes empresas de tecnologia.