Novo seguro de viagem é até 40% mais barato

Seguro de viagem da Assist Card inclui o conceito de franquia, algo inédito no segmento

São Paulo – A empresa de assistência de viagem Assist Card lançou um produto com franquia para o mercado de seguro de viagem, algo inédito no Brasil. A apólice custa até 40% menos, dependendo das coberturas contratadas. Em contrapartida, caso precise acionar a assistência médica, o passageiro deve pagar uma franquia de 100 dólares.

Considerando uma família de quatro pessoas que queira viajar para os Estados Unidos durante duas semanas, gastaria 300 dólares em um seguro viagem tradicional. No produto com franquia, gastaria 180 dólares, uma economia de 120 dólares.

Ou seja, mesmo que um membro da família tenha de acionar a franquia, a proteção ainda será mais barata do que um produto com franquia, explica o diretor de operações da Assist Card no Brasil, Alexandre Camargo, à EXAME.

Por outro lado, caso mais de um membro precise utilizá-lo, pagará mais caro pela proteção. É um risco adicional que exige planejamento para arcar com gastos imprevistos.

A franquia de 100 dólares é paga apenas em coberturas médicas, como exames e consultas. O usuário do seguro continua a não pagar nada a mais no caso de indenizações oferecidas pela proteção relacionadas a serviços no aeroporto, como traslado, cancelamento de viagem e perda de bagagem.

Veja também

Como a franquia é um conceito comum em outros tipos de seguro, como residência e automóvel, a companhia acredita que o produto fica mais claro ao cliente e o fator econômico chama atenção, especialmente em um cenário no qual a cotação do dólar está acima de 4 reais.

Mas Camargo cita também um fator comportamental presente no planejamento de uma viagem. “A viagem é um sonho de consumo. As pessoas querem o melhor hotel e a melhor companhia aérea, mas não querem pensar muito no seguro. Então, se ele for mais barato e só precisar pagar se usar, se torna mais prático para o cliente”.

Desde a regulamentação do seguro de viagem pela Susep, em 2016, a empresa vem aperfeiçoando o produto. “Agora, achamos que é hora de testar esse novo modelo”, diz Camargo.

As vendas do produto foram iniciadas pela internet há 40 dias em modelo experimental, e na semana passada o produto começou a ser oferecido por agentes de viagens e corretores. A Assist Card tem uma proteção que funciona de forma semelhante na Argentina.