Renegociei empréstimos consignados. Como declaro o Imposto de Renda 2019?

Especialista responde dúvida de leitor sobre a Declaração do Imposto de Renda 2019. Envie você também suas perguntas

Pergunta do leitor: Tenho dois empréstimos consignados que foram renegociados em 2018. Como devo declarar o Imposto de Renda 2019?

Devo retificar os anos anteriores ou simplesmente passo a declarar os novos valores neste ano?

Resposta de Valdir Amorim*:

Não é necessário retificar as declarações dos anos anteriores. Faça o seguinte:

a) Sobre os empréstimos antigos: informe na coluna discriminação que o empréstimo foi renegociado, repita no campo “Situação em 31.12.2017” o valor que constou na declaração do ano de 2018, e preencha com R$ 0,00 o campo “Situação em 31.12.2018”; e

b) Sobre os empréstimos novos: informe na coluna discriminação que o empréstimo é decorrente da renegociação dos empréstimos mencionados na letra “a”, preencha com R$ 0,00 o campo “Situação em 31.12.2017”, e informe, no campo “Situação em 31.12.2018, o saldo devedor dos empréstimos nessa data.

*Valdir de Oliveira Amorim é coordenador editorial-tributário IOB, da Sage Brasil, professor universitário, mestre em Ciências Sociais e Contabilidade, pós-graduado em Direito Tributário, coordenador de cursos de pós-graduação, palestrante, conferencista, mediador em seminários e congressos, doutorando em Contabilidade; especialista há mais de 20 anos em Imposto de Renda, PIS/COFINS, IOF, ITR, CIDE e legislação societária, comercial e tributária.


O site EXAME vai responder diariamente, entre 7 de março e 30 de abril, as dúvidas de leitores sobre a Declaração do Imposto de Renda 2019. Envie suas perguntas para seudinheiro_exame@abril.com.br.