Receita deposita 5º lote de restituições de IR nesta terça

Consulta à liberação da declaração pode ser feita pela internet ou pelo Receitafone

São Paulo – A Receita Federal vai depositar nesta terça-feira o crédito de 1,5 bilhão de reais de restituição de imposto de renda para 1.497.611 contribuintes.

A restituição fica disponível no banco durante um ano. Se o resgate não for feito nesse prazo, o contribuinte deverá requerê-la pela internet, mediante Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o restituição não seja creditada, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais) e 0800-729-0001 (demais localidades) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Do 1,5 bilhão de reais que será depositado nesta terça-feira, 77.775.640,77 reais referem-se aos 19.806 contribuintes idosos ou com alguma deficiência física ou mental ou doença grave.

A consulta ao quinto lote do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física do exercício de 2013 (ano-calendário 2012) pode ser feita pela página da Receita na internet ou pelo Receitafone 146. A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smarthphones que facilita consulta a declarações de IR e situação cadastral no CPF.

Também podem ser consultados os lotes residuais referentes aos exercícios de 2012 a 2008, correspondentes aos anos-calendários de 2011 a 2007, respectivamente. Serão depositados 70.332.665,52 reais referentes aos lotes residuais, beneficiando 29.837 contribuintes.

Veja na tabela qual a correção pela Selic que será aplicada a cada lote:

Ano do exercício Número de contribuintes Valor Correção pela Selic
2013 1.467.774 R$ 1.429.667.334,48 4,35% (maio de 2013 a outubro de 2013)
2012 17.166 R$ 39.532.561,44 11,60% (maio de 2012 a outubro de 2013)
2011 6.911 R$ 19.405.046,13 22,35% (maio de 2011 a outubro de 2013)
2010 3.588 R$ 7.022.165,97 32,50%, (maio de 2010 a outubro de 2013)
2009 2.017 R$ 3.949.440,70 40,96%, (maio de 2009 a outubro de 2013)
2008 155 R$ 423.451,28 53,03%, (maio de 2008 a outubro de 2013)

Fonte: Receita Federal