Os carros antigos que mais se valorizaram nos últimos dez anos

Em dez anos, automóveis antigos valorizaram mais que investimentos como poupança, CDB e Tesouro Direto. Veja os carros que deram maior retorno financeiro

São Paulo – Mais do que itens de colecionadores apaixonados, automóveis antigos podem valorizar mais do que muitas aplicações financeiras por aí. Nos últimos dez anos, veículos com mais de 30 anos trouxeram retorno maior – até mais que o dobro – que a variação da taxa básica de juros, a Selic, que baliza investimentos conservadores como poupança, CDB e Tesouro Direto.

A conclusão é de um estudo da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EAESP), que analisou 24 modelos entre os anos 2005/2006 e 2015/2016. Em média, os veículos analisados valorizaram 23,9% acima da variação da Selic em dez anos.

A Kombi Corujinha, liderou o ranking da pesquisa, com valorização de 135% acima da taxa básica de juros, enquanto o Mustang Hard Top desvalorizou 32,5% abaixo da Selic no período e ficou em último lugar.

“Assim como o mercado financeiro, você não ganha dinheiro com todos os produtos. Se for investir em carros antigos, é melhor apostar nos carros clássicos, que mais se valorizam”, explica o pesquisador Luís Henrique Rigato, coordenador do curso Master in Business and Management (pós-graduação em Administração) da FGV EAESP e um dos autores da pesquisa.

A seguir, confira os dez carros que mais valorizaram acima da Selic nos últimos dez anos, segundo o estudo da FGV:

1. Kombi Corujinha, anos 1968 a 1975 

Valorização acima da Selic: 135%

Volkswagen Kombi

(Volkswagen/Divulgação)

2. Dodge Charger, anos 1973 a 1975

Valorização acima da Selic: 125,9%

Dodge Charger 1975

(Renzo Maia/Wikimedia Commons)

3.  Dodge Dart com duas portas, anos 1970 a 1973

Valorização acima da Selic: 117,7%

Dodge Dart 1970

(IFCAR/Wikimedia Commons)

4. Camaro Coup, anos 1967 a 1969

Valorização acima da Selic: 116%

Camaro Coupe 1967

(GTHO/Wikimedia Commons)

5. Maverick GT V8, anos 1973 a 1976

Valorização acima da Selic: 75,5%

Maverick GT V8 1973

(Luís Henrique Rigato/Divulgação)

6. Ford Galaxie, anos 1967 a 1969

Valorização acima da Selic: 55,9%

1967_Ford_Galaxie

(GPS 56/Wikimedia Commons)

7. Opala Diplomata 6cc, anos 1981 a 1986

Valorização acima da Selic: 53%

Opala Diplomata 6cc 1985

(Rodrigo de Almeida Fraga de Oliveira/Wikimedia Commons)

8. Camaro Type LT, anos 1974 a 1976

Valorização acima da Selic: 45,9%

Camaro Type LT 1975

(Brücke-Osteuropa/Wikimedia Commons)

9. Volkswagen SP2, anos 1972 a 1974

Valorização acima da Selic: 39,8%

Volkswagen SP2 1973

(Arild Vågen/Wikimedia Commons)

10. Ford Landau, anos 1977 a 1983

Valorização acima da Selic: 39,8%

Ford LTD Landau 1977

(Greg Gjerdingen/Wikimedia Commons)

Metodologia

Os pesquisadores selecionaram os veículos analisados com base em questionários respondidos por 103 colecionadores e análise de 6 mil anúncios de classificados de vendas de modelos antigos.

Todos os modelos se enquadram nas especificações da Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA): ter sido fabricado há mais de 30 anos, conservar as características originais de fabricação e ter o Certificado de Originalidade reconhecido pelo Denatran (Departamento Nacional de Trânsito).

Para comparar a valorização dos automóveis com o rendimento em aplicações, o estudo usou os índices da caderneta de poupança, CDI, IGP-M e Selic durante a última década, segundo dados do Banco Central.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Nossa reportagem de fevereiro já havia indicado essa grande valoriação dos autos antigos nos últimos dez anos: http://www.maxicar.com.br/2017/02/em-dez-anos-carro-antigo-nacional-valorizou-mais-que-o-ouro/