Montadoras dão desconto de até R$ 12 mil e parcelam carro em até 60 vezes

Além de descontos de até 12 mil reais na troca por veículos usados, empresas retomam financiamentos em até 60 meses

São Paulo – De olho na queda das taxas de juros cobradas em financiamentos nos últimos meses e no aumento da confiança dos consumidores na economia, montadoras oferecem facilidades para incentivar a compra do carro.

Veja também

Neste final de semana, duas delas realizam feirões: a GM Chevrolet e a Ford. Outras, como a Toyota, oferecem condições especiais para quem quer financiar a compra de carros da marca.

Veja abaixo as ofertas oferecidas por cada uma delas:

GM Chevrolet

O feirão da GM será realizado em sua fábrica em São Caetano do Sul, na região metropolitana de São Paulo. No evento, a montadora terá financiamentos sem entrada que poderão ser pagos em até 60 meses. Um exemplo é o Ônix Joy LT 1.0 e LTZ 1.4, que podem ser financiados com essas condições com taxa de juros de 1,73% ao mês. Já a linha Cruze 17/18 pode ser financiada com taxa de 1,64% ao mês.

Outra oferta que a montadora irá promover é o financiamento do Cruze Sedan e Sport6 com taxa zero em até 36 meses, caso o consumidor pague uma entrada equivalente a 65% do valor. A S10 High Country 2018 terá desconto de 10 mil caso seja trocada por um carro usado, além de financiamento com taxa zero em até 36 vezes.

A aquisição do Cobalt 1.8 pode ser parcelada com taxa zero em até 30 meses, assim como a compra do Ônix, que sai por R$ 40.990. O Ônix LTZ vem com câmbio automático grátis e também pode ser parcelado em 30 vezes sem juros. Para obter as condições, é necessário dar 50% do valor do carro como entrada caso a opção seja o Cobalt e 74,30% caso o consumidor queira adquirir o Ônix.

Já a Tracker será vendida durante o evento por a partir de R$ 85.990 com taxa zero e bônus de 4 mil reais a 5 mil reais na troca por um usado. A Trailblazer terá bônus de 12 mil reais na troca por veículo usado.

Ford

O feirão da Ford será realizado neste sábado e domingo em toda a rede de distribuidores da montadora no país. No evento, a montadora irá retomar o financiamento em até 60 meses e oferecer descontos nos preços de veículos.

É possível financiar o carro em 60 meses na Ford com entrada a partir de 30% do valor do veículo. A taxa de juros aplicada varia de acordo com a entrada e o modelo escolhido. No plano de 24 meses, a Ford trabalha com uma taxa-base subsidiada de 0,24%, desde que o consumidor pague 60% do valor do carro como entrada.

Entre os destaques, está a oferta do Ka 1.0 S por R$ 40.490 à vista, ou financiado com entrada de 50% (R$ 19.030,30) e 60 parcelas de 499 reais, um saldo de R$ 48.970,30. O carro vem com direção elétrica, ar-condicionado, trava elétrica das portas e compartimento para celular no painel com USB para carregamento.

Veja também

A marca oferece financiamento em 60 meses também para outros modelos, como o New Fiesta, Focus, Fusion, Edge, Ranger e EcoSport, que também é vendido com um bônus de 6 mil reais na avaliação do veículo usado na troca pelo SUV.

Além dessa condição, a Ford continua a dar a opção de financiamento com taxa zero em até 36 meses para modelos como Ka, New Fiesta, EcoSport, Focus e Fusion.

O financiamento de 36 meses tem uma entrada de 70% para os modelos Ka, EcoSport, Focus e Fusion. Para o New Fiesta e Ranger, a entrada é de 76%.

Toyota

A Toyota oferece taxas menores para financiamento de alguns de seus modelos em todo o país. Na compra do Etios versões XLS e Platinum, a taxa foi reduzida de 0,99% ao mês para 0,79% ao mês. Já as taxas para financiar a versão X+ caíram de 1,08% ao mês para 0,89% ao mês, enquanto para a versão X as taxas foram reduzidas de 1,11% para 0,99% ao mês.

As taxas são válidas tanto para carros hatch quanto sedã.

No financiamento do Corolla Xei e Prius, as taxas caem de 0.99% ao mês para 0.89% ao mês.

Essas condições são válidas apenas para financiamentos na modalidade “Ciclo Toyota”, que exige entrada de, no mínimo, 30% do valor do modelo. Na linha, o cliente parcela parte do valor com pagamento entre 12 a 36 meses, e os valores das parcelas chegam a ser até 40% mais baixos que os praticados no mercado. Ao final do parcelamento, restará uma parcela residual a ser paga pelo consumidor, que não poderá ultrapassar metade do valor do veículo.

Contudo, o cliente não terá que desembolsar qualquer quantia para quitar o residual caso queira comprar um novo carro da marca, já que a Toyota garante a recompra do veículo pela concessionária por, no mínimo, 85% da tabela FIPE. Ou seja, o valor pago na recompra quita a parcela residual e contribui para a entrada de um novo veículo.