Jovens de até 24 anos têm menos controle financeiro

Estudo mostra que 40% dos jovens de 16 a 24 anos admitiram não manter a vida financeira sob controle

São Paulo – Os jovens brasileiros de 16 a 24 anos são os que têm menos controle da vida financeira, segundo pesquisa publicada pelo SerasaConsumidor e pelo Ibope Inteligência. O estudo mostrou que 40% dos jovens admitiram não manter a vida financeira sob controle.

O porcentual é menor à medida que a idade aumenta. O número caiu para 38% entre a população de 25 a 34 anos, para 34% entre 35 e 44 anos, 33% entre 45 e 54 anos, e 25% entre as pessoas com mais de 55 anos. Esses números fazem parte do Indicador de Educação Financeira (IndEF).

Foram ouvidos 2.002 consumidores acima de 16 anos no primeiro semestre deste ano. A amostragem incluiu 140 cidades de todos os Estados brasileiros e o Distrito Federal.

“Os jovens precisam evitar agir por impulso e adquirir o hábito de controlar melhor a vida financeira para que eles não sofram as consequências do superendividamento e da inadimplência”, disse, em nota, o superintendente do SerasaConsumidor, Júlio Leandro.

O SerasaConsumidor e o Ibope Inteligência também elaboraram uma nota de educação financeira. Os jovens de 16 a 17 anos apresentaram a maior queda, passando de 5,9 para 5,5. A nota dos brasileiros entre 18 e 24 anos oscilou de 5,9 para 5,8. Para a média da população, a nota permaneceu em 6 pelo segundo ano consecutivo, em uma escala que vai de zero a 10.