Itaú lança cartão digital black que dá até 5 pontos por dólar gasto

Pontuação máxima vale para serviços de streaming, como Netflix e Spotify. Taxa de anuidade é alta, mas há a possibilidade de isenção dependendo do uso

São Paulo — A Credicard, do Itaú Unibanco, lançou nesta terça-feira (5) o Credicard Mastercard Black, uma versão mais acessível e 100% digital da categoria geralmente destinada à alta renda e que pode gerar até 5 pontos por dólar gasto.

Um dos diferenciais do novo plástico é que não há uma remuneração mínima necessária para solicitar o produto. Os bancos costumam exigir uma remuneração mínima —e geralmente bem elevada— aos clientes que desejam ter um cartão da categoria black.

O cartão Unique Black Santander, por exemplo, exige remuneração mínima mensal de 20 mil reais. Já para ter o Bradesco Mastercard Black também é preciso ter um salário mensal de, no mínimo, 20 mil reais. O Banco do Brasil não divulga qual é a renda mínima necessária para ter o Ourocard Mastercard Black, e diz que só têm acesso ao plástico os clientes que forem convidados pelo próprio banco, mas normalmente são clientes de alta renda, segundo usuários.

Embora não haja uma renda mensal mínima necessária para solicitar o Credicard Mastercard Black, o cliente interessado vai ter de arcar com uma taxa de anuidade que é tão elevada quanto as praticadas nos demais cartões black do mercado. O custo anual é de 780 reais —no Santander, é de 870 reais, no Bradesco é de 930 reais e no BB, 923 reais.

“Mas existe a possibilidade de isenção de anuidade, baseada nos gastos no cartão. Nos três primeiros meses, os clientes usufruem o produto sem pagar nada. Se a média mensal de gastos for superior a 6 mil reais nesse período, a isenção de anuidade se mantém até completar um ano”, explica Fabiano Dourado, diretor do Itaú. Ou seja, o cliente só ficará isento da taxa se gastar pelo menos 18 mil reais nos três primeiros meses de uso do cartão.

O custo proporciona um pacote de benefícios atraente para quem gosta de acumular e usar pontos do cartão de crédito. Com o Credicard Mastercard Black, é possível acumular 5 pontos por dólar gasto em pagamentos de serviços de streaming de música e vídeo, como Netflix e Spotify, e em lojas de aplicativos.

Em compras internacionais, o usuário do cartão acumula 3 pontos por dólar gasto. Já em compras nacionais, soma 2 pontos por dólar gasto. O Itaú oferece a possibilidade de o cliente dobrar a pontuação mensal com a contratação do serviço de acelerador de pontos. Mas o custo é de 4% do valor da fatura —se ela for de 6 mil reais, por exemplo, o serviço vai sair por 240 reais.

O limite de crédito inicial do novo cartão de crédito é de 7 mil reais. Mas, segundo Dourado, esse valor pode ser maior dependendo da renda do cliente e do relacionamento dele com o banco.

“É um produto muito bom para quem gosta de acumular e usar pontos do cartão. O cliente que acessar o site da Credicard e fizer login, poderá usar um broker exclusivo para adquirir passagens aéreas com pontos, sem a necessidade de transferi-los para programas de milhas. Um comparador de passagens informa qual o preço em cada programa e auxilia na escolha da melhor forma de usar os pontos, que também podem ser trocados por produtos”, explica Dourado.

Credicard Mastercard Black Credicard Mastercard Black

Credicard Mastercard Black (Credicard/Divulgação)

Segundo a Credicard, o titular do novo cartão ainda tem como benefícios o uso gratuito da Sala VIP Lounge Mastercard Black no aeroporto de Guarulhos (SP), acesso a mais de mil salas VIP Lounge Key em aeroportos ao redor do mundo por 27 dólares, seguro-viagem e cashback para compras nos Estados Unidos em empresas parceiras, como AVIS, Hilton e Bloomingdale’s.

Assim como o Credicard Zero, lançado no fim do ano passado e que passou a ser internacional neste ano, o Credicard Mastercard Black oferece descontos para clientes que fazem compras em marcas parceiras, como Uber, Decolar, Netshoes, Zattini, FastShop, Magazine Luiza, Extra e Ponto Frio. No Uber, o cliente ganha uma corrida de 20 reais a cada dez corridas realizadas. Nas lojas, os descontos são de até 40% para produtos específicos.

Todo o atendimento do novo cartão será feito por aplicativo, via chat, e o pagamento e eventual parcelamento da fatura também é online. Para adquirir o cartão, o cliente não precisa necessariamente ser correntista do Itaú. O pedido do produto pode ser feito pelo site da Credicard.

Cuidados

Segundo planejadores financeiros consultados pelo site EXAME, antes de solicitar um novo cartão de crédito, o consumidor deve fazer as contas. No caso do Credicard Mastercard Black, por exemplo, ele só vale a pena para quem tem gastos elevados no cartão, para ficar isento da anuidade, e utiliza com frequência os programas de pontos.

É preciso considerar que o custo anual do plástico é alto e existem opções mais baratas no mercado se você não fizer questão de ter um cartão da categoria black ou não for aproveitar todos os benefícios que ele oferece.

Para não cair em uma enrascada e se complicar financeiramente, seja no rotativo do cartão ou em outra modalidade de crédito, especialistas recomendam utilizar esses produtos com consciência.

Quando o consumidor vai fazer alguma compra muito grande, como financiar um carro ou uma casa, ele normalmente estuda bastante como será o pagamento disso. Com o cartão, porém, ele não pensa muito no futuro, já que as compras são “pequenas”. Com isso, amplia a chance de não conseguir pagar a fatura lá na frente.

A primeira coisa que é preciso fazer é tentar mudar esse comportamento. Muitas vezes, por exemplo, o consumidor faz compras irracionais, pensando que precisa comprar um presente ou uma determinada roupa, mas nem sempre essas compras são, de fato, uma necessidade. É preciso identificar quais são os gastos obrigatórios e necessários primeiro para depois, então, saber quanto vai sobrar de dinheiro para os gastos voluntários.

Antes de tomar um crédito, o consumidor tem que considerar também utilizar recursos que ele pode ter em outras aplicações. Muitas pessoas têm um pouco de dinheiro na poupança, por exemplo, mas preferem tomar um crédito e pagar juros em vez de resgatar o valor parado na caderneta.

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Veja Também Artesanei.com.br | Novo Shopping Artesanato, Decoração!

    https://artesanei.com.br
    Artesanei – Novo Shopping – Descubra fabricantes, Designers independentes e empreendedores criativos de todos os lugares, tudo em um só lugar – Artesanei.com.br