Investir no mercado imobiliário: retorno de 10% a 20% ao ano

Com apenas mil reais, investidores podem participar da construção de projeto imobiliário

A plataforma de investimentos em projetos imobiliários Urbe.me viabiliza o investimento em projetos inovadores que vão desde o Minha Casa Minha Vida até imóveis de alto luxo. Os projetos disponibilizados este ano na plataforma possuem rentabilidades entre 110% do CDI e 20% ao ano. Para se cadastrar no Urbe.me e conhecer os projetos, clique aqui.

Com apenas 1 000 reais já é possível investir e as captações tem prazo médio de 30 dias, mas quem deixar para investir na última hora provavelmente perderá a oportunidade. “Nas nossas últimas quatro captações conseguimos encerrar antes do prazo, e geralmente não chegamos nem à metade do prazo estipulado”, afirma Paulo Deitos, sócio-fundador do Urbe.me.

O investimento é efetivado através de contratos de dívida conhecidos como contratos de mútuo. Além da rentabilidade projetada, a incorporadora garante aos investidores um pagamento mínimo que geralmente fica entre 110% e 120% do CDI sobre o dinheiro aplicado, isso no caso de a projeção de rentabilidade não se concretizar.

“O projeto dá uma rentabilidade boa para o cliente do Urbe.me, que é a pessoa física; e, ao mesmo tempo, traz um recurso competitivo em relação aos outros modelos de financiamento com que trabalhamos, e tudo isso de forma ágil”, completa Beto Justus, Diretor de Desenvolvimento Imobiliário da Tecverde.

O único custo envolvido na operação é o Imposto de Renda. O tributo incide com alíquota de 15% sobre o ganho de capital e é retido diretamente na fonte.

Investir em um projeto leva poucos minutos. É preciso apenas criar um cadastro rápido na plataforma do Urbe.me que você pode fazer clicando aqui, reservar o valor desejado e enviar o dinheiro para uma conta de pagamentos terceirizada. Feito isso, a plataforma efetivará a participação do investidor.

Na plataforma do Urbe.me, o investidor ainda pode encontrar todas as informações relativas à oferta, incluindo o estudo de viabilidade econômico-financeira do projeto e o alvará da obra. Após a oferta, os investidores continuam recebendo relatórios trimestrais contendo informações sobre o andamento das obras, as unidades vendidas e o preço de venda.

 (Urbe.me/Divulgação)

Inovação não só no modelo de captação, mas também nos parceiros

O atual empreendimento para captação, o Residencial Terra Brasilis, é uma parceria das empresas Tecverde e Formanova, ambas de Curitiba. Voltado para o Programa Minha Casa Minha Vida, está situado na cidade Marília (SP), uma das melhores cidades para se investir em imóveis segundo o ranking do Grupo Prospecta – P2i.

O empreendimento além de ter uma área comum diferenciada com completa estrutura de lazer e segurança, está localizado em uma região privilegiada da cidade, o Altos do Palmital. Os apartamentos possuem planta diferenciada e oferecem um alto desempenho térmico e acústico, resultando em muito mais conforto, privacidade e economia ao morador. Os prédios são construídos com um eficiente controle de qualidade em todo o processo produtivo e inspeção final no canteiro de obras.

Tudo isto faz com que o Terra Brasilis apresente um excelente retorno em função dos seus custos, o que o torna um empreendimento muito atrativo tanto para os seus consumidores finais quanto para o ingresso de investidores.

Criada em 2009, a Tecverde é uma empresa de engenharia que trouxe para o Brasil os conceitos de tecnologia mais avançados no mundo para construções mais eficientes e sustentáveis. Com a fábrica de casas mais automatizada da América Latina, mais de 100 000 metros quadrados foram construídos em um processo industrializado que é até quatro vezes mais rápido que o convencional.

Hoje mais de 10 000 pessoas moram em imóveis Tecverde. Em números ligados a sustentabilidade, isso significa que 14 450 toneladas de resíduos não foram gerados e mais de 9 000 toneladas de CO2 deixaram de ser emitidas.

A Tecverde é reconhecida no mercado pelo empreendedorismo de seus sócios e equipe, pela capacidade de inovação não apenas no mercado da construção civil e é referência em soluções eficientes e sustentáveis. Esses atributos despertaram o interesse do fundo norte-americano GEF (Global Environment Fund), especializado em investimentos em empresas de alto crescimento e que se destacam pela eficiência sócio-ambiental e hoje é parte da Tecverde Engenharia S.A.

Para conhecer os projetos, clique aqui e faça um cadastro rápido na plataforma do URBE.ME.

 (Urbe.me/Divulgação)