Investimentos pagam até 123% do CDI no mês da Black Friday

Corretoras disponibilizam investimentos de renda fixa com retornos atrativos ao longo deste mês. Confira as principais ofertas

São Paulo – Tomando carona na Black Friday, tradicional sexta-feira de descontos americana que também é realizada no Brasil, corretoras e distribuidoras de investimentos realizam campanhas que oferecem taxas atrativas para quem busca investimentos mais seguros.

Apesar de o evento acontecer apenas no dia 25 deste mês, as aplicações financeiras com rentabilidade diferenciada já estão sendo oferecidas pela Easynvest e a Órama. Em ambas as instituições financeiras as ofertas se encerram no dia 30 de novembro.

Entre as opções de investimento disponibilizadas nas campanhas estão Certificados de Depósito Interbancário (CDBs), Letras de Câmbio (LCs), Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) e Letras de Crédito Imobiliário (LCIs).

Na Órama a aplicação com a melhor remuneração são Letras de Câmbio (LC) com vencimento em quatro anos que pagam 123% do CDI, taxa usada como referência para títulos de renda fixa e que acompanha a Selic. Isso significa que, por ano, o investimento pode oferecer um rendimento líquido de 18,92%. Nesse caso, a aplicação mínima para compra do título é de 10 mil reais.

A distribuidora de investimentos também oferece ao longo deste mês Letras de Crédito do Agronegócio (LCA), que são isentas de IR, com vencimento em 365 dias e que pagam 95% do CDI., um rendimento de 14,26%. A aplicação mínima exigida nesse caso é de 1 mil reais.

Já na Easynvest é possível encontrar CDBs com vencimento em quatro anos que pagam 119% do CDI. Antes da campanha o rendimento da aplicação girava em torno de 115% da taxa.

A corretora também oferece LCAs com vencimento em um ano que pagam 95% do CDI. Antes da campanha promocional, a remuneração dessas aplicações era de 91% do CDI.

As promoções das corretoras acontecem ao longo do mês, mas os estoque dos títulos de renda fixa são limitados. Portanto, aplicações que pagam remunerações mais altas podem se esgotar antes do prazo.

Valores mínimos para aplicação foram reduzidos

O valor mínimo para aplicação nos títulos parte de 1 mil reais na campanha da Órama. “Conseguimos baixar esses valores na campanha. Fora dela, a exigência de aplicação mínima costuma ser próxima de 10 mil reais”, diz Sandra Blanco, consultora de investimentos da Órama.

A Easynvest também reduziu o valor mínimo exigido para investimento em títulos. Os valores caíram de 5 mil reais para 3 mil reais.

Segurança

Aplicações de até 250 mil reais por CPF e por instituição financeira em títulos de renda fixa são garantidas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC) se o banco emissor do título quebrar. Nesse caso, o investidor tem o dinheiro de volta.