Gestora lança fundo multimercado que investe em 45 países

O Canvas Vector FIC FIM oferecer aos investidores de varejo investimento que foca em retornos comparativos entre ativos altamente negociados

A Canvas Capital SA, empresa de investimentos alternativos com participação do Credit Suisse Group AG, começa a oferecer ao varejo um fundo multimercado com um novo tipo de estratégia para o Brasil, chamada de “prêmios alternativos de risco”, segundo pessoas a par do assunto.

O fundo, de nome Canvas Vector FIC FIM, é um dos primeiros a oferecer aos investidores de varejo essa estratégia, que foca em retornos comparativos entre ativos altamente negociados como moedas, crédito, ações, commodities ou taxas de juros, disseram as pessoas, pedindo não ser identificadas porque o assunto não é público ainda.

O fundo, que investe em mais de 45 países, é denominado em reais, mas não compra ativos brasileiros, segundo as pessoas.

A ideia é atingir indivíduos que buscam diversificar seus investimentos diante da manutenção da taxa de juros básica Selic na mínima histórica de 6,5%.

A indústria de fundos do Brasil teve ingressos líquidos de R$ 33,6 bilhões neste ano até abril, de acordo com a Anbima, associação dos integrantes do mercado de capitais. Os fundos multimercado registraram R$ 5 bilhões em ingressos e R$ 15,2 bilhões foram destinados a fundos de ações.

O Canvas Vector, que usa um algoritmo proprietário desenvolvido pelo gestor de fundos Francisco Funari, teve retorno de 27% desde seu início em dezembro de 2017 até 19 de junho, ou 17 pontos percentuais acima da taxa interbancária DI, segundo dados compilados pela Bloomberg.

Os retornos não dependem de apostas direcionais de seus gestores, pois o fundo usa as chamadas estratégias de “carry trade”, como comprar uma moeda com alto retorno e se financiar em um moeda com rendimento menor. Tem como meta o retorno de DI mais 5,5% ao ano.

A Canvas, que tem cerca de R$ 6,7 bilhões sob gestão em todos os seus fundos, também está abrindo para investidores de varejo o seu fundo de ações. Chamado Canvas Dakar Long Bias FIC FIM, ele teve retornos de 39% desde que foi fundado em dezembro de 2017 até 19 de junho, 6 pontos percentuais a mais que o Ibovespa.

Para atrair e reter executivos de destaque no Brasil, o Credit Suisse começou a dar a eles participações em empresas de gestão de recursos de terceiros, incluindo a Canvas.

O banco detém uma participação minoritária e sem direito a voto na empresa, criada em 2012 com Antonio Quintella, ex-presidente para as Américas para o banco com sede em Zurique. Quintella é presidente da Canvas e sócio controlador, além de presidente do conselho de administração da B3 SA – Brasil Bolsa Balcão.

Conte com a ajuda da assessoria BTG Pactual digital na hora de investir. Abra sua conta!