Fundos do varejo são até 10 vezes mais caros que os independentes

Pequeno investidor já tem acesso a fundos com taxas de administração baixas, mas é preciso pesquisar

São Paulo – O pequeno investidor paga caro para investir, deixa de ganhar dinheiro com isso, mas não precisa ser assim. Um levantamento feito pela XP Investimentos mostra o impacto das altas taxas de administração cobradas pelos maiores fundos DI e de previdência dos bancos de varejo, em comparação com os melhores fundos equivalentes em instituições menores, focadas apenas em investimentos, e em seguradoras.

Para fundos DI com investimento inicial de até 10.000 reais, as taxas dos maiores fundos dos grandes bancos comeram de 1.000 a 2.000 reais do rendimento ao final de três anos. A tabela abaixo compara esses fundos com fundos equivalentes de instituições menores no mesmo período. Repare que a taxa de administração média dos maiores fundos do varejo é quase 10 vezes maior que a média dos melhores fundos das gestoras independentes:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Fundo Aplicação Inicial (R$) Taxa de Administração Rentabilidade Aplicando 10.000 reais você teria (R$) Deixou de ganhar por não comparar (R$)
Bradesco FICFI Ref DI Hiperfundo 100 4,50% 18,75% 11.874,50 1.567,52
BB Ref DI Social 50 FICFI 50 3,50% 20,93% 12.092,72 1.349,30
Itau Super Ref DI FICFI 1.000 2,50% 25,39% 12.539,41 902,62
Santander FICFI Classic Ref DI 100 5,00% 17,23% 11.722,73 1.719,30
Média dos bancos de varejo 3,90% 20,60% 12.057,34
BTG Pactual Yield DI FI Ref Cred Priv 3.000 0,30% 35,30% 13.529,51  
BNP Paribas Optimum DI FICFI Ref 5.000 0,50% 34,76% 13.475,85  
Goldstar DI Cash FI Ref 10.000 0,40% 33,21% 13.320,72  
Média melhores fundos 0,40% 34,40% 13.442,03  

O mesmo acontece quando são comparados os fundos de previdência dos bancos de varejo com os fundos das próprias seguradoras. Os primeiros cobram, além das taxas de administração, altas taxas de carregamento, que incidem a cada aporte de dinheiro no fundo. Fundos de previdência de renda fixa semelhantes em seguradoras – com tíquete inicial e aportes igualmente baixos – cobram taxa de administração bem mais barata e não cobram taxa de carregamento.

Com isso, os fundos de seguradora acumularam, em média, um montante quase três vezes maior que o valor médio acumulado pelos fundos dos grandes bancos, num período de 30 anos. De acordo com a comparação da XP, os fundos dos grandes bancos deixaram de acumular cerca de 400.000 reais cada um durante o período de acumulação. Isso considerando, em todos os casos, um aporte inicial de 10.000 reais e aportes subsequentes mensais de 100 reais. Veja a tabela:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Fundos com aplicação inicial de 10.000 reais e aportes mensais de 100 reais Taxa de administração Taxa de carregamento Rentabilidade líquida de taxas e impostos Valor acumulado em 30 anos (R$) Deixou de ganhar por não comparar (R$)
Bradesco VGBL FIX FIC RENDA FIXA 3,00% 5% 24,49% 237.834 409.192
BRASILPREV RT FIX FIC RENDA FIXA 3,40% 3% 25,67% 265.239 381.787
Itaú FLEXPREV I FIC RENDA FIXA 3,20% 2,50% 24,14% 237.576 409.450
Santander PREV FIX INVEST FIC RF CREDITO PRIVADO 3,20% 3% 23,58% 226.971 420.055
Média dos bancos de varejo 3,20% 3,40% 24,47% 241.905  
MAPFRE CORPORATE RENDA FIXA 1,00% 0% 36,88% 647.026  
Icatu Seg Moderado E FIC FI Renda Fixa 1,50% 0% 30,20% 386.066  
SUL AMÉRICA FIX 100 FI RENDA FIXA 2,50% 0% 26,45% 290.070  
Média melhores fundos 1,67% 0% 31,18% 521.689