Em quantos anos você compra um imóvel em 35 cidades do mundo

Estudo mostra quanto tempo a população de 35 cidades leva para comprar um imóvel de 70 m² de acordo com o preço médio dos imóveis e a renda média do trabalhador

São Paulo – Levantamento realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) e pelo portal de classificados Zap Imóveis mostra o tempo que se leva para comprar um imóvel em 35 cidades de diversas partes do mundo.

Para chegar ao resultado, a pesquisa leva em consideração a relação entre o preço médio dos imóveis nas cidades e a renda média da população.

“O forte aumento dos preços observado no Brasil na última década nos deu a impressão de que comprar um imóvel no país era muito mais difícil do que em outras partes do mundo”, diz o Boletim FipeZap de abril, relatório por meio do qual o estudo foi divulgado.

Segundo as conclusões do boletim, contribuía para essa sensação o real valorizado, que gerava uma impressão de que os preços estavam fora da realidade ao comparar o mercado imobiliário de lugares como São Paulo e Rio de Janeiro com cidades estrangeiras, como Chicago, Miami ou Berlim.

Com a desvalorização do real e a desaceleração dos preços dos imóveis no Brasil, os dados da pesquisa mostram que a situação não é mais tão discrepante e os preços lá fora continuam atrativos, mas não como antes.

“Notadamente, há grande diferença entre as cidades mundo afora e particularmente entre as cidades brasileiras. Enquanto Porto Alegre e Salvador podem ser consideradas cidades com imóveis ‘baratos’ para a população local, Rio de Janeiro, São Paulo e Recife podem ser classificadas como cidades mais caras”, afirma o Boletim FipeZap.

Ainda assim, o levantamento mostra que em cidades ícones do mundo em desenvolvimento, como Pequim, na China, e Moscou, na Rússia, e em outras capitais da América Latina como Bogotá, na Colômbia e Lima, no Peru, a população ainda leva mais tempo para comprar um imóvel do que em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Segundo o FipeZap, embora muito acelerado, o aumento dos preços no Brasil dos últimos anos não nos colocou em uma situação anormal para padrões internacionais.

“A notícia é ruim para as famílias brasileiras, que não devem esperar encontrar facilidades para a compra da casa própria nos próximos anos”, diz o boletim.

Confira, na tabela abaixo, quanto tempo a população de cada cidade demora, em média, para conseguir comprar um imóvel de 70 metros quadrados.

Cidade Tempo (em anos)*
Chicago (EUA) 4,6
Miami (EUA) 5,5
Cidade do Cabo (África do Sul) 5,9
Montreal (Canadá) 7,1
Porto Alegre (RS-Brasil) 8,7
Berlim (Alemanha) 9,6
Salvador (BA-Brasil) 10,2
Cidade do México (México) 10,4
Belo Horizonte (MG-Brasil) 11,2
Sydney (Austrália) 11,3
Nova York (EUA) 11,5
Toronto (Canadá) 11,6
Quito (Equador) 12,8
Istambul (Turquia) 12,9
Santiago do Chile (Chile) 13,1
Lisboa (Portugal) 13,3
Cairo (Egito) 13,6
Recife (PE-Brasil) 13,9
São Paulo (SP) 14,7
Assunção (Paraguai) 14,9
Buenos Aires (Argentina) 15,7
Rio de Janeiro (RJ-Brasil) 17,3
Seul (Coreia do Sul) 18,2
Lima (Peru) 19,2
Bogotá (Colômbia) 20,2
Tel Aviv (Israel) 20,4
Londres (Inglaterra) 21,3
Paris (França) 22,2
Beirute (Líbano) 23,1
Cingapura (Cingapura) 28,0
Moscou (Rússia) 28,3
Roma (Itália) 31,1
Caracas (Venezuela) 33,1
Mumbai (Índia) 41,8
Pequim (China) 42,5

Fontes: Numbeo e FipeZap e IBGE (para as cidades brasileiras)

*A coluna tempo tomou como base a renda anual média do trabalhador para mostrar quantas vezes essa renda é necessária para pagar o imóvel.