Doria acaba com créditos do Nota Fiscal Paulistana

Em substituição, programa irá realizar sorteios mensais de R$ 1 milhão e, no mês de dezembro, de R$ 2 milhões

São Paulo – O novo modelo do programa Nota Fiscal Paulistana que será lançado nesta quinta-feira, 2, pelo prefeito João Doria (PSDB) com o nome de “Nota do Milhão” prevê um atrativo ainda maior em prêmio no fim do ano, a exemplo do que já ocorre com a Mega da Virada nos sorteios da Mega Sena feitos pela Caixa Econômica Federal.

Enquanto os sorteios mensais do novo programa darão prêmios de R$ 1 milhão para o consumidor previamente cadastrado que exigir a nota fiscal de bens e serviços sobre os quais incidam o Imposto Sobre Serviços (ISS), no mês de dezembro o prêmio terá valor dobrado, de R$ 2 milhões, já descontada a dedução do Imposto de Renda.

A “Nota do Milhão” vai substituir os prêmios pulverizados da Nota Fiscal Paulistana que eram dados a todos os consumidores cadastrados que exigiam a nota nas compras.

Doria publicou nesta quinta-feira, 2, decreto no qual zera o porcentual de ISS devolvido ao tomador de serviços na capital paulista.

O prêmio era de 30% do imposto embutido no caso de pessoas físicas e de 10% no caso de micro e pequenas empresas e condomínios residenciais e comerciais.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. E no RJ não temos nenhum programa semelhante !

  2. No Rio preciso do GPS do milhão, porque se errar o caminho e entrar por engano na favela leva bala

  3. Nossa realmente não precisamos de políticos e sim gestores, pessoas com visão, com certeza ele vai arrecadar milhões para os cofres da prefeitura com essa iniciativa, parabéns doria!

  4. Saulo Braz Braz

    Olá, o que é mais viável para o consumidor um valor que automaticamente garante e benefecia o consumidor ou um premio disputado por milhares de consumidores que dependeram da sorte ? Vamos estudar os atrativos. .. creio que a recadacao para os cofres públicos será menor por os consumidores não verem atrativo na nota Paulista .

  5. Rodrigo Rodrigues Alves

    Pelo amor de Deus pessoal é a nota paulistana e não a paulista.leiam direito

  6. Saulo Braz Braz

    Boa noite Rodrigo, obrigado pela observação. .. valeu