Como saber se estou pagando juros abusivos em um financiamento estudantil?

Advogado responde dúvida de leitor sobre direito de endividados. Envie você também sua pergunta

Pergunta do leitor: Como saber se estou pagando juros abusivos em um contrato de financiamento estudantil?

Resposta de Ronaldo Gotlib*:

O melhor, mais rápido e gratuito caminho é buscar no site do Banco Central as taxas médias de juros cobradas por todos os bancos brasileiros para a modalidade de financiamento utilizada e comparar com os juros praticados em seu contrato.

Na falta de comparativos, você pode utilizar as linhas para financiamento imobiliário, que tem base semelhante ao estudantil, e comparar com os juros praticados no seu financiamento.

Desta forma será possível compreender se o que está sendo cobrado condiz com a prática do mercado ou está acima da média, o que caracterizaria
abusividade.

De todo modo, cumpre observar que as taxas de juros desta modalidade específica de crédito não costumam ser elevadas.

*Ronaldo Gotlib é consultor financeiro e advogado especializado nas áreas de Direito do Consumidor e Direito do Devedor. Autor dos livros “Dívidas? Tô Fora! – Um Guia para você sair do sufoco”, “Testamento – Como, onde, como e por que fazer”, “Casa Própria ou Causa Própria – A verdade sobre financiamentos habitacionais”, “Guia Jurídico do Mutuário e do candidato a Mutuário”, além de ser responsável pela elaboração do Estatuto de Proteção ao Devedor e ministrar palestras sobre educação financeira.

Envie suas dúvidas sobre dívidas, empréstimos e financiamentos para seudinheiro_exame@abril.com.br.