CDB Flex é opção para quem busca rentabilidade no médio prazo

Recém-lançado pelo Paraná Banco, o produto promete liquidez diária após 180 dias de aplicação, com rentabilidade de 105% do CDI

São Paulo — O corte da taxa Selic para o menor patamar da história assusta os investidores mais conservadores, mas não há motivo para pânico: ainda há boas opções no mercado para quem não gosta de correr muito risco. De olho nesse cenário, o Paraná Banco lançou uma nova modalidade de CDB, o CDB Flex 180.

Com vencimento para três anos e com uma rentabilidade de 105% do CDI, o produto promete liquidez diária após 180 dias de aplicação e garante a taxa de retorno para investimentos a partir de mil reais. Além disso, o CDB Flex tem a proteção do FGC (Fundo Garantidor de Crédito).

“A principal vantagem do CDB Flex 180 é que ele tem a flexibilidade de resgatar a aplicação antes do prazo final de três anos, com a rentabilidade de 105% do CDI garantida para aportes acima de mil reais”, diz André Luiz Malucelli, diretor do banco. “Ou seja, mesmo resgatando antes do vencimento, o investidor terá uma boa remuneração.”

Mas é preciso tomar cuidado com a tributação, que pode fazer bastante diferença no valor resgatado. O CDB Flex 180 segue a tabela regressiva do Imposto de Renda —com alíquota de 22,5% para resgates em até 180 dias, 20% entre 181 e 360 dias, 17,5% entre 361 e 720 dias e de 15% acima de 721 dias.

Ou seja, embora o banco ofereça rentabilidade de 105% do CDI tanto para quem resgata a aplicação após 180 dias quanto para quem mantém o investimento até o vencimento, o valor final que o investidor vai receber será menor se ele desistir antes do prazo, por causa do imposto maior.

Também é preciso considerar que outras instituições, como o Sofisa Direto, por exemplo, oferecem CDBs com rentabilidades maiores —algumas chegam até 120% do CDI—, mas sem a possibilidade de resgate antes do vencimento. Essas podem ser melhores opções para quem tem certeza de que não vai precisar do dinheiro durante todo o período da aplicação.

Investimentos

O Paraná Banco tem ampliado sua oferta de investimentos para captar novos clientes, principalmente fora da região Sul do país. “Além dos CDBs, também temos opções de fundos que aplicam em ações de small caps e de empresas que são boas pagadoras de dividendos, por exemplo”, explica o presidente da instituição, Cristiano Malucelli.

O banco lançou em 2017 um aplicativo exclusivo para aplicações e planeja, em breve, integrar os produtos de investimento em seu app principal. “O Paraná Banco é uma instituição tradicional, o que não significa que não devemos avançar na tecnologia, principalmente se queremos oferecer a melhor experiência para nossos clientes”, completa Malucelli.