BB eleva taxa para financiamento, mas amplia prazo

O Banco do Brasil segue a Caixa e elevou suas taxas de juros do financiamento imobiliário e a ampliação do prazo dos financiamentos

São Paulo – O Banco do Brasil anunciou nesta quinta-feira a elevação de suas taxas de juros do financiamento imobiliário e a ampliação do prazo máximo dos financiamentos para 35 anos.

Segundo o banco estatal, “em função dos maiores custos de captação”, a taxa máxima para o financiamento com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) subirá 0,5 ponto percentual, para 10,4 por cento ao ano, acrescida da taxa referencial (TR).

As novas taxas entram em vigor no dia 18 de maio.

O prazo máximo de financiamento foi ampliado de 360 para 420 meses, dependendo do perfil do cliente. A cota máxima de financiamento do imóvel foi mantida em 80 por cento.

No começo desta semana, a Caixa Econômica Federal reduziu a cota de financiamento de imóveis usados para operações com recursos da poupança de 80 para 50 por cento.

No mês passado, a Caixa elevou pela segunda vez no ano a taxa de juros no financiamento de imóveis residenciais pelo SBPE.