7 formas de ganhar uma renda extra neste fim de ano

É mais fácil do que parece conseguir uma renda extra. Confira sete ideias para salvar seu bolso neste fim de ano e, quem sabe, em 2018

São Paulo – Ceia de Natal, presentes, viagem de férias, seguro do carro, IPVA, matrícula na escola. Só de ler, ficou cansado e sem saber como arcar com todas os gastos de final de ano? A saída pode ser ampliar as receitas – e é mais fácil do que parece conseguir uma renda extra.

Você pode partir para as alternativas mais tradicionais, como vender e alugar coisas, até ganhar dinheiro com funções mais inusitadas, como colar um adesivo de uma marca no carro ou ser um cliente oculto que avalia restaurantes. Quem sabe você não testa uma dessas ideias em dezembro e, se der certo, adota a estratégia da renda extra em 2018?

A seguir, o site EXAME sugere sete formas de conseguir uma renda extra sem passar muito trabalho e sites que podem ajudar nessa tarefa.

1 – Cuide de um cachorro

Os apaixonados por cachorro podem aproveitar a época em que os donos viajam para hospedá-los em casa e ganhar uma renda extra por isso. Para hospedar, dá para morar em apartamento e não é preciso ter cachorro.

No site DogHero, os aprovados passam por treinamento e definem o valor de hospedagem por noite, que fica entre 30 e 60 reais, em média. Uma pessoa que hospeda um cachorro por uma semana, por exemplo, pode ganhar 420 reais.

No site PetAnjo, o cuidador ganha entre 25 e 120 reais por dia e recebe 15 horas de treinamento online.  

2 – Cole um adesivo no carro

Se você tem carro e está disposto a colar o logo de uma empresa no seu vidro, esse pode ser um jeito fácil de ganhar uma grana a mais. Empresas pagam para o seu carro virar um outdoor ambulante, sem sair do seu itinerário de rotina.

Funciona assim: o usuário se cadastra no site especializado e é selecionado de acordo com o perfil solicitado pela marca. Os valores podem variar conforme a quilometragem, o tipo de automóvel e a duração da campanha.

O site Momidia paga 70 reais por mês, em média, para o motorista andar por onde quiser com um adesivo no vidro traseiro. No site Carlicity, o usuário recebe 1,50 real por quilômetro rodado. Se rodar 1.000 quilômetros no mês, por exemplo, receberá 1.500 reais.

3 – Avalie restaurantes, lojas e hotéis

Você pode ser pago para ser um cliente oculto, ou seja, para avaliar a qualidade de estabelecimentos sem que os funcionários saibam que estão sendo testados, em sites como o OnYou e o Shopper Experience. Para ser selecionado, é preciso se cadastrar nos sites e esperar ser chamado.

Em algumas avaliações, o cliente oculto é remunerado. Em geral, cada avaliação pode pagar entre 20 reais e 100 reais. Em outras avaliações, o cliente recebe apenas o reembolso do que gastou.

No site Testa Isso, também é possível ser remunerado por 20 reais para testar a usabilidade de aplicativos e sites.

4 – Receba um turista

Se você tem tempo livre, pode ser um guia turístico amador. No site Rent a Local Friend, você pode oferecer seus serviços para levar gente do mundo inteiro para passear.

Em São Paulo, por exemplo, o preço do serviço varia entre 30 reais e 500 reais. O site cobra do turista uma taxa de 30% sobre esse valor.

Também dá para cozinhar para um turista na sua casa por meio do site Meal Sharing. Cada anfitrião define o cardápio e o valor da refeição.

Você também pode hospedar turistas na sua casa e receber por isso, pelo site Airbnb. É possível ganhar até 700 reais por semana em São Paulo. O site cobra uma taxa de serviço do anfitrião que varia entre 3% e 5%, dependendo da política de cancelamento selecionada.

5 –  Transporte coisas

Tem uma bicicleta ou moto? O Rappi é um aplicativo que disponibiliza assistentes pessoais para compra e entrega de qualquer produto. O valor da entrega é 100% do entregador.

O Eu Entrego funciona de um jeito parecido. Você é livre para negociar os valores de entregas com os usuários do aplicativo e uma porcentagem de 20% desse valor  fica com o site.

Também dá para entregar comida no UberEATS. Segunda a empresa, em uma viagem de um quilômetro e dez minutos, o motorista recebe cerca de 22% a mais do que receberia transportado pessoas pelo UberX.

6 – Venda o que não usa mais

Que tal começar 2018 com a casa limpa, se desfazer dos itens que você não usa mais e ainda ganhar uma renda extra?

No Skina, dá para vender qualquer produto para pessoas que estejam perto de você. Pode ser uma bicicleta, um violão ou um par de patins, por exemplo.  Para anunciar no Skina, você não paga nada, mas paga uma taxa de 15% para o site se aceitar pagamento com cartão de crédito.

O Enjoei é um dos apps pioneiros na venda de roupas, bolsas e sapatos usados.  Caso o seu produto seja vendido, você paga 20% de comissão mais 2,15 reais pela taxa de anúncio.

Você também pode vender tudo o que imaginar nos sites OLX e Mercado Livre e em grupos especializados do Facebook.

7 –  Alugue qualquer objeto

Você pode alugar qualquer objeto para estranhos e receber uma grana extra por isso. No Alooga, por exemplo, é possível disponibilizar para aluguel câmeras, sobretudos, drones e o que mais sua imaginação permitir.

Os preços são definidos pelo próprio usuário. O site cobra uma taxa de 15% mais 0,30 centavos por transação.

O site Rent for All também reúne produtos para locação, como artigos para casa e escritório, itens para festas e eventos e acessórios e vestidos de luxo. Os planos de assinatura podem custar até 90 reais por mês. Apenas o primeiro anúncio postado no site não tem custo.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Lucas Monteiro

    Com Uber, sem dúvida será muito fácil tirar uma boa grana nesse final de ano, principalmente pelo fato de milhares e milhares de empresas estarem fazendo suas confraternizações de final de ano, o que acaba elevando a demanda de corridas na cidade, incluindo corridas particulares. Aliás, um ótimo site para calcular corridas particulares para motoristas ou para passageiros verem quanto vai custar uma corrida, é o https://estimativauber.com.br