Wizard leva inglês ao campus e amplia atuação das franquias

Universidade Bilíngue, que prevê a oferta do inglês como parte integral do currículo universitário, oferece novas oportunidades de negócio a franqueados

São Paulo – A escola de idiomas Wizard está apostando um novo modelo de atuação que deve ampliar significativamente o número de alunos de seus franqueados.

A rede criou o programa Universidade Bilíngue, que prevê a oferta do inglês como parte integral do currículo universitário.

O modelo já foi testado em três universidades – Estácio de Sá, do Rio de Janeiro; Unisant’Anna, de São Paulo; e Faculdade Cambury, de Goiânia – e deve ser expandido para outras 50 universidades já no próximo ano.

Com a nova oferta, o objetivo é ampliar o número de alunos matriculados na rede dos atuais 100 mil para 500 mil. A oferta dos cursos dentro dos campi fica a cargo dos franqueados, portanto a rede espera aumentar o faturamento das unidades envolvidas no projeto.

“O próprio franqueado presta o serviço, seja fornecendo professores para ministrar aulas ou prestando treinamento e coordenando a implementação do sistema dentro do campus”, explica Carlos Martins, fundador da Wizard.

Além da receita direta gerada através da parceria com as universidades, a rede espera ampliar o movimento dentro das próprias unidades. “O aluno que faz o curso na universidade sempre tem um irmão, um pai ou uma esposa que podem se interessar também pelo curso. Ele atua como um multiplicador”, explica Martins.

As universidades participantes do projeto subsidiam parte dos custos do curso, incluindo o inglês como matéria do currículo ou oferecendo como optativa a custos inferiores aos valores de mercado. “Nas universidades em que testamos o modelo o aluno paga no máximo 100 reais mensais pelo curso, bem abaixo do valor médio de mercado de um curso de inglês, que está em torno de 250 reais hoje”, conta Martins.

A Wizard possui 1,2 mil franquias, com unidades nas principais capitais. O custo para abrir uma unidade da rede é de 12 mil a 50 mil reais de taxa de franquia mais 63 mil reais de investimento na abertura do negócio. A projeção de faturamento é 50 mil reais mensais, com tempo médio para retorno do investimento estimado em 18 meses.