Startup mais valiosa do mundo recebe visita de Tim Cook, da Apple

O CEO se tornou visitante frequente da segunda maior economia do mundo e de suas empresas de tecnologia

O chefe da única empresa do mundo avaliada em pelo menos US$ 1 trilhão passou pelo escritório de Pequim da startup mais valiosa do planeta em meio à viagem de Tim Cook, da Apple, pela China.

Fotos de Cook caminhando pela sede da Bytedance, conversando com funcionários e cumprimentando o fundador da Bytedance, Zhang Yiming, circularam há alguns dias e foram publicadas em redes sociais chinesas.

Representantes da startup responsável pelo bem-sucedido aplicativo de notícias para dispositivos móveis Jinri Toutiao preferiram não comentar e representantes da Apple não responderam aos pedidos de comentário.

Cook está visitando seu mais importante mercado externo menos de um mês depois que os últimos iPhones foram colocados à venda.

A região da Grande China é fundamental para a empresa porque responde por cerca de um quinto das receitas da região e porque a maior parte do hardware da Apple é fabricada no país.

O CEO se tornou visitante frequente da segunda maior economia do mundo e de suas empresas de tecnologia. Em viagens anteriores, Cook também se encontrou com executivos da gigante de carona compartilhada Didi Chuxing – apoiada pela Apple – e da startup de aluguel de bicicletas Ofo.

A Bytedance, que foi fundada em 2012, disparou nos rankings mundiais de startups graças ao sucesso do Toutiao e do Tik Tok, um aplicativo de vídeos curtos. A empresa estaria no meio de um processo para levantar novos recursos com investidores como o SoftBank Group com uma avaliação de US$ 75 bilhões, superando assim a Uber Technologies como maior startup do mundo.