Setor de franquias prevê crescimento de 16,5% no 4º trimestre

O faturamento aumentou 17,7% no terceiro trimestre em relação ao mesmo período do ano passado

São Paulo – Um levantamento feito pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), em parceria com o Provar (Programa de Administração de Varejo), da Fundação Instituto de Administração (FIA), e Felisoni Consultores Associados, mostrou que o setor de franquias continua apresentando um bom desempenho.

O terceiro trimestre de 2010 teve faturamento 17,7% maior do que o mesmo período do ano passado. Em relação ao próximo trimestre, a expectativa dos franqueadores é que o setor cresça 16,5% em faturamento na comparação com o final de 2009.

As 59 redes de franquias ouvidas pelos pesquisadores demonstraram que esperam um crescimento de 4,7% no total de lojas para este final de ano. No terceiro trimestre de 2010, aumentou em 2,5% o número de unidades.

As franquias do setor de serviços foram as que tiveram maior aumento no faturamento em relação ao mesmo período do ano passado. O crescimento foi de 36%. Em seguida, ficaram as franquias que comercializam bens, com aumento de 10,6% e, por fim, o setor de alimentação, que teve um acréscimo de 10,2% no faturamento.

A pesquisa apontou ainda que pouco mais de 20% das empresas consultadas têm 5 anos ou menos de atuação no mercado. Segundo Nuno Fouto, coordenador técnico da pesquisa, 22,4% iniciaram com lojas franqueadas já no primeiro ano. Em média, a primeira loja franqueada é aberta em 7 anos e 9 meses.

Foram ouvidas 59 redes, que representam 7.570 lojas, de quatorze setores, como vestuário, cosméticos, entretenimento e serviços.