Empréstimos de até R$ 20 mil sem juros para MEIs já atendem centenas em SP

A agência de fomento Desenvolve SP ajudou 528 microempreendedores individuais pelo Programa Juro Zero Empreendedor, do Sebrae/SP

São Paulo – Mais de sete milhões de reais já foram concedidos a microempreendedores individuais paulistas. O melhor dessa notícia: sem nenhum juro atrelado. Pelo Programa Juro Zero Empreendedor, do Sebrae/SP, a Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP) deu crédito para 528 MEIs do estado de São Paulo.

Os empréstimos vão de mil a 20 mil reais e são voltados à ampliação e modernização dos negócios criados por microempreendedores individuais. Isso envolve capital de giro, compra de ferramentas, hardwares, máquinas e equipamentos, materiais de construção, softwares e veículos utilitários, por exemplo.

Além do benefício da isenção da taxa de juros, os empreendedores também contam com prazo de até 36 meses para quitação do financiamento, incluindo seis meses de carência para começar a pagar.

Perfil

Os desembolsos começaram em agosto do ano passado e bateram a marca de sete milhões de reais. De acordo com a Desenvolve SP, 55% dos beneficiados pelo Programa Juro Zero Empreendedor no estado foram mulheres. Para a agência, a estatística reflete uma tendência apontada pela pesquisa Global Entrepreneurship Monitor 2017/18, que revela o crescimento de 15,4% do empreendedorismo feminino no período, enquanto que o masculino ficou em 12,6%.

Quanto ao grau de escolaridade dos MEIs, 50,6% chegou ao ensino médio, 44,1% possui ensino superior e 5,3% realizou apenas o ensino fundamental. A maioria dos beneficiados possui entre 25 e 34 anos de idade (32,6%); entre 35 e 44 anos (30,6%); e entre 45 e 54 anos (21%).

A maior parte dos recursos (68,9%) foi demandada por MEIs do interior paulista. O restante (31,1%)  foi destinado para empreendedores da região metropolitana de São Paulo. Em termos de setores, os destaques são os ramos de alimentos, vestuário, coureiro calçadista, móveis, plástico, metal mecânico e construção civil. O principal destino do crédito foi para máquinas e equipamentos (34,2%) e capital de giro (30,6%).

Saiba como solicitar o crédito sem juros

Para participar do programa, o microempreendedor deve concluir o curso de capacitação Super MEI, que oferece 50 mil vagas gratuitas em diversas opções de capacitação técnica no estado de São Paulo dentro de áreas como construção civil, alimentos e bebidas, beleza e setor automotivo, entre outras. Consulte todos os cursos disponíveis no Super MEI.

O dono do empreendimento também não pode ter restrições cadastrais no CPF e CNPJ. É preciso ter o plano de negócios, que inclui o objetivo com o financiamento, aprovado pelo Sebrae/SP.  O benefício juro zero será concedido exclusivamente para parcelas pagas até o vencimento. Em caso de atraso, haverá cobrança de multa de 2%, mais juros equivalentes a TJLP a.m.

Acesse o site e faça o seu cadastro. Depois disso, procure o escritório regional do Sebrae/SP mais próximo para iniciar o plano de negócios. Com ele em mãos, o consultor que o atendeu vai visitar o seu negócio para avaliar a solicitação. Se o seu plano de negócios for aprovado, o crédito será liberado. Em caso de dúvidas, ligue para 0800 570 0800 ou procure um dos escritórios do Sebrae/SP.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s