Concursada supera depressão pós-parto e faz paixão virar negócio

Cibele Paiva sempre foi encantada por perfumes. Para se curar de sua doença, resolveu se dedicar à sua paixão e fundou a La Belle Scens

São Paulo – Cibele Paiva era uma executiva apaixonada por perfumes. Concursada da Telefônica, foi a primeira mulher a ocupar um cargo de liderança na empresa e chegou a cobrir férias do diretor. Mas sua vida virou de cabeça para baixo com a chegada do seu bebê.

Cibele sofreu de depressão pós-parto, após desenvolver diabetes gestacional. Ela se sentia sobrecarregada, mas os projetos da empresa de implantar fibra óptica no Brasil para a Copa do Mundo não podiam esperar. “Ouvi inúmeras vezes que gravidez não era doença”, conta.

Durante os quatro anos seguintes à gravidez, Cibele teve crises de pânico a ponto de não conseguir subir no prédio da empresa e ser ajudada pelos bombeiros para entrar no elevador. Mesmo com apoio financeiro da empresa para arcar com o tratamento, sentia que aquela rotina não cabia mais na sua vida.

Quando finalmente conseguiu se desligar da empresa, quatro anos depois que o filho nasceu, Cibele precisava aliviar seu sofrimento. Começou, então, a estudar sozinha sobre perfumes no YouTube, sua paixão desde a época em que era gerente de loja, há mais de 15 anos.

Para se distrair, comprou 18 frascos para fazer sabonetes e difusores para dar de presente no Natal. Não passava pela sua cabeça transformar o amor por perfumes em negócio. “Meu plano era ser dona de casa, cuidar do meu filho e ficar bem. Não me via em outra situação naquele momento”, relata.

Mas nos dois meses seguintes, ela produziu mais 800 frascos para vender e faturou 18 mil reais. “Precisava de dinheiro para manter meu padrão de vida, mas foi aí que me dei conta que esse poderia ser um super negócio.”

cibele-paiva_la-belle-scens_2

(Renata Muniz/Divulgação)

Curso de perfumaria

Assim que percebeu que a perfumaria poderia ser levada a sério, Cibele quis estudar a fundo sobre o assunto para se transformar em uma profissional da área. Investiu o primeiro faturamento em cursos da Perfumaria Paralela, única escola de perfumaria do Brasil, em São Paulo. Aprendeu a criar fragrâncias e mergulhou em uma área nova, o marketing olfativo, que produz cheiros originais para marcas.

“Como tudo na minha vida, eu queria o melhor. Fiz todos os cursos que a escola poderia me oferecer, porque tinha certeza que o conhecimento agregaria valor ao meu negócio”, conta Cibele, que ainda tem planos de fazer pós-graduação na área.

Além dos 15 anos como concursada na Telefônica, Cibele também cursou três anos de engenharia civil, se formou na faculdade em sistemas de informação e fez pós-graduação em gerenciamento de projetos. Ainda fez uma especialização em plano de negócios e um curso de coaching. Ou seja, sua trajetória é rica de estudos e descobertas.

Tudo isso ajudou Cibele a montar a La Belle Scens, empresa especializada em aromatização profissional com sede em Santo André, na região metropolitana de São Paulo, e filial em Goiânia. A empreendedora desenvolve desde cheiros exclusivos para pequenos ambientes até projetos especiais, como aromas para avião e microondas.

O negócio tem cerca de 200 clientes fixos, entre empresas e pessoas fisicas. Para desenvolver um cheiro, a empresa cobra entre 800 reais e 3.000 reais, mas os projetos especiais chegam a custar 150 mil reais.

O que ela tirou de lição dessa história? Que nunca é tarde para recomeçar.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Álex Gustavo

    Muito bom! Desejo muito sucesso a ela.
    Infelizmente a grande maioria da população não tem condições financeiras de investir em um negócio próprio. Muitos estão partindo para negócios online, investimento zero para iniciar e pode ser feito de qualquer lugar, o que da uma liberdade incrível.
    Eu recomendo esse ebook gratuito pra quem deseja iniciar um negócio pela internet, baixei pelo link abaixo: http://www.agmelodigital.com.br/100-gratisaprenda-a-criar-um-negocio-online-altamente-lucrativo/

  2. Cibele Priscila Paiva Neto

    Álex Gustavo, muito obrigada pelo desejo de sucesso. Quanto ao investimento inicial iniciamos com 18 frascos, estes me custaram, R$ 90 reais. A partir do lucro da venda destes fui comprando outros, e outros, e outros chegando a 800 frascos, o que gerou um renda de 18 mil para abrir meu próprio negocio. Garanto que determinação e foco nos objetivos levam a gente à lugares jamais imaginados. O mundo on line sem duvida está em nosso BP mas se eu pudesse dar uma dica a futuros empreendedores eu diria foquem em negocios na internet voltado ao B2B não B2C. Está ai o futuro…Acredite…Obrigada.