Brasil tem 6,3 mil investidores-anjo, segundo pesquisa

O número de pessoas investimento em startups aumentou 18% no ano, segundo a organização Anjos do Brasil

São Paulo – A organização Anjos do Brasil divulgou hoje uma pesquisa sobre o cenário de investimento-anjo no país. Segundo o estudo, são 6,3 mil pessoas físicas que investem em startups hoje. O número cresceu 18% desde o ano passado, quando 5,3 mil investidores-anjo aplicavam recursos em novos negócios.

Os dados foram divulgados durante a 1ª Conferência Nacional da Anjos do Brasil. Ainda de acordo com o levantamento, 80% dos “anjos” brasileiros só fazem aportes quando são procurados por empreendedores.

O volume de capital deste tipo de investimento passou de 450 milhões para 495 milhões de reais. O valor médio investido, segundo a organização, é de 79 mil reais, 7% abaixo da média do ano passado.

Segundo a Anjos do Brasil, a redução é normal, por “novos investidores normalmente aplicarem menos recursos, pois ainda estão na fase de aprendizado”.

Para se ter uma ideia, existem 265 mil investidores-anjo nos Estados Unidos, e o mercado cresce 20% ao ano, segundo o Center for Venture Research da Universidade de New Hampshire. Para a organização, falta proteção e estimulo para estes investidores no Brasil.