BB terá agências exclusivas para pequena empresa

A primeira unidade foi inaugurada na capital do Mato Grosso do Sul, Campo Grande

São Paulo – O Banco do Brasil acaba de iniciar no Mato Grosso do Sul uma estratégia que prevê a abertura de agências bancárias exclusivas para micro e pequenas empresas. A primeira unidade foi inaugurada na capital Campo Grande, e o banco prevê abrir mais sete agências em outras regiões do país, de acordo com o vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas do BB, Osmar Fernandes Dias.

Dias diz que o BB quer ser mais agressivo no segmento. Por isso, além do corte de juros, anunciou hoje outros incentivos para o segmento. Entre eles, está um desconto nos juros para as empresas que durante este mês anteciparem os valores das vendas do Dia das Mães. Os recebíveis (cheques pré-datados, duplicatas ou cartões de crédito) poderão ser convertidos em capital de giro com juros a partir de 1% ao mês, ante uma taxa média de 1,3% ao mês. Já os clientes com operações nas linhas de capital de giro do BB contarão com carência no pagamento de até três parcelas nas novas liberações de crédito.

“Queremos ser conhecidos como o banco da micro e pequena empresa”, disse o vice-presidente do BB. Desde o lançamento do “Bompratodos”, com juros menores para quem for cliente do banco público, foram realizadas quase 490 mil liberações de crédito nas linhas para pessoas jurídicas priorizadas na estratégia, totalizando R$ 4,4 bilhões.