5 perguntas para investir ou desistir de vez de uma franquia

A avaliação pessoal do candidato a franqueado deve ser criteriosa e bem pensada

Como avaliar se tenho perfil para uma franquia?
Respondido por Adir Ribeiro, especialista em franquias

Em um negócio do tipo franquia, o empreendedor pode tem os direitos de uso de uma marca e de um sistema de negócios que já foi testado em vários mercados. Para que o negócio funcione, o franqueador deve estabelecer critérios claros de expansão e o perfil de franqueado ideal. Apesar de a franquia apresentar baixa taxa de mortalidade, há riscos.

Não pode haver a sensação de que é só comprar a franquia e o sucesso será garantido. Mesmo com o poder da marca, o sistema de negócios, o mix de produtos e outros aspectos importantes, será crucial a participação do franqueado no dia a dia do negócio, o entendimento do mercado e a gestão da franquia de maneira estruturada.

Por isso, é recomendável que o candidato à aquisição de uma franquia realize uma auto avaliação bastante criteriosa e sincera, antes da tomada de decisão final. Avalie, em primeiro plano, os seguintes aspectos:

1. Você se identifica com o negócio?

É perceptível que quanto maior a identidade com o negócio, maior será a chance de sucesso.

2. Quais são as suas reais ambições?

Pense aonde quer chegar, se pretende manter só uma unidade e por quanto tempo.

3. Você entende que qualquer negócio tem riscos?

Reflita sobre ter um negócio próprio e os riscos que isso representa. Mais uma vez, lembre-se de que franquia não é sinônimo de sucesso garantido e de retorno do investimento em prazos curtos.

4. Você se encaixa no perfil da marca?

Avalie se o seu perfil como candidato se encaixa com o ideal desejado pela franqueadora.

5. Como você se vê no futuro?

Procure imaginar-se em um futuro próximo tocando o negócio franqueado e avaliar se está alinhado com as ambições e sonhos já construídos.

Esse é um processo de grande relevância para o candidato e que pode ser decisivo para o sucesso do negócio.