25 franquias para investir em alimentação, setor mais forte do franchising

Selecionamos franqueadoras recentes e estabelecidas no setor, atuando em diversos tipos de culinária. Confira:

O crescimento do setor de franquias nos últimos anos, com receita de quase 175 bilhões de reais em 2018, atraiu diversos empreendedores para a ideia de ter sua própria unidade franqueada. E nenhum setor é tão sedutor quanto o da Alimentação.

Em termos absolutos, negócios de comida e bebida continuam sendo o segmento de maior faturamento do franchising, estimado em 45,8 bilhões de reais em 2018. EXAME selecionou franqueadoras recentes e estabelecidas no setor, atuando em diversos tipos de culinária.

Antes de empreender, porém, lembre-se: é preciso pesquisar sobre os setores pretendidos, analisar bem o contrato de franquia e perguntar para outros franqueados sobre a experiência com a franqueadora.

Confira, a seguir, algumas opções de franquia para investir em alimentação:

1 — 10 Pastéis

Café da 10 Pastéis

 (10 Pastéis/Divulgação)

A 10 Pastéis foi criada em 1961, mas só entrou para o sistema de franchising em 1996. Hoje, possui 37 unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma franquia é de 60 mil reais, com taxa de lucratividade média de 15%.

Investimento inicial: 180 mil reais
Prazo de retorno: 30 meses

2 — Bolos da Cecília

Bolos da Cecília

 (Fernando Mattos/Bolos da Cecília/Divulgação)

A Bolos da Cecília, especializada na venda de bolos caseiros, foi criada em 2013 e passou a franquear no ano seguinte. Hoje, possui 15 unidades em operação. Uma unidade apresenta um faturamento médio mensal de 45 mil reais, com taxa de lucratividade média de 23%.

Investimento inicial: 135 mil reais
Prazo de retorno: 36 meses

3 — Busger

Busger

 (Ander de Sá/Busger/Divulgação)

A rede de hamburguerias Busger foi criada em 2014 e passou a franquear três anos depois hoje. Atualmente, possui 11 unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma hamburgueria fica entre 170 e 250 mil reais, com taxa de lucratividade de 20%.

Investimento inicial: 500 a 550 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 24 meses

4 — Carol Coxinhas

Carol Coxinhas

 (Carol Coxinhas/Divulgação)

A Carol Coxinhas, rede de salgados criada em 2015, possui hoje 40 unidades em operação. O faturamento médio mensal é de 35 a 60 mil reais, com taxa de lucratividade média de 14 a 18%.

Investimento inicial: 90 mil reais
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

5 — Chiquinho Sorvetes

Chiquinho Sorvetes

 (Chiquinho Sorvetes/Divulgação)

A Chiquinho Sorvetes, rede de sorveterias franqueadas, começou em 1980 e passou a franquear em 2010. Hoje, possui 485 lojas em operação. O faturamento médio mensal de uma sorveteria é de 50 mil reais, com taxa de lucratividade média entre 15 e 20%.

Investimento inicial: 250 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

6 — Croasonho

Croasonho

 (Croasonho/Divulgação)

A Croasonho, especializada em croissants recheados, surgiu em 1997. Hoje, possui 79 lojas em funcionamento. O faturamento médio mensal de uma franquia é de 120 mil reais, com taxa de lucratividade média de 12% a 15%.

Investimento inicial: 345 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

7 — Dídio Pizza

Dídio Pizza

 (Marcio Hideki Kato/Dídio Pizza/Divulgação)

A rede de pizzarias Dídio Pizza foi fundada em 1994 e começou a franquear em 2010. Atualmente, possui 24 unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma pizzaria é de 67 mil reais, com taxa de lucratividade média mensal de 12%.

Investimento inicial: 265 mil reais
Prazo de retorno: 28 meses

8 — Divino Fogão

Divino Fogão

 (Marcela Higa/Divino Fogão/Divulgação)

A Divino Fogão, rede que é conhecida pelo conceito de comida da fazenda, foi fundada em 1984 e entrou para o franchising dez anos depois. Hoje, possui 186 unidades. O faturamento médio mensal de uma unidade é de 190 mil reais, com taxa de lucratividade média entre 15 e 18%.

      Investimento inicial: 700 mil reais
      Prazo de retorno: 36 meses

      9 — Dona Nuvem

      Sorvete da Dona Nuvem

       (Dona Nuvem/Divulgação)

      A Dona Nuvem, rede de sorvetes criativos, começou a franquear no ano passado e possui quatro unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma sorveteria vai de 40,8 a 51 mil reais, com taxa de lucratividade média entre 25 e 28%.

      Investimento inicial: 190 a 350 mil reais
      Prazo de retorno: 24 meses

      10 — Fruit Truck

      Fruit Truck

       (Léo Barrilari/FruitTruck/Divulgação)

      A Fruit Truck, rede de franquias que comercializa açaí, cupuaçu e salada de frutas, foi criada em 2015 e passou a franquear dois anos depois. Hoje, possui 20 unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma franquia vai de 10 a 15 mil reais, com taxa de lucratividade média de 30 a 40%.

      Nano
      Investimento inicial: 30 mil reais
      Prazo de retorno: 8 a 12 meses

      11 — Geneal

      Geneal

       (MarcelaCure/Geneal/Divulgação)

      A Geneal é uma rede de franquias carioca especializada na venda de cachorro-quente. Criada em 1963, a marca começou a franquear em 2016. Hoje, possui 10 franquias em operação. Uma unidade fatura de 25 a 35 mil reais por mês, com lucratividade média de 10 a 15%.

      Investimento inicial: 73 mil reais
      Prazo de retorno: 36 meses

      12 — Megamatte

      Megamatte

       (Tatiana Saldanha/Megamatte/Divulgação)

      A Megamatte, rede de alimentação com o mate como carro-chefe, foi criada em 1994. Com franquias desde 2005, possui 140 unidades em funcionamento. Uma unidade fatura 75 mil reais em média mensalmente, com taxa de lucratividade média de 12 a 18%.

      Loja
      Investimento inicial: 199 mil reais
      Prazo de retorno: 24 a 36 meses

      13 — Mineiro Delivery

      Mineiro Delivery

       (Mineiro Delivery/Divulgação)

      A Mineiro Delivery, rede de entregas de pratos típicos, foi criada em 2012. Com franquias desde 2015, possui 65 unidades ativas. Uma franquia fatura em média 55 mil reais mensalmente, com taxa de lucratividade média de 20 a 30%.

      Investimento inicial: 115 a 125 mil reais
      Prazo de retorno: 18 a 24 meses

      14 — Montana Grill

      Montana Grill

       (Montana Grill/Divulgação)

      A rede de grelhados Montana Grill foi criada em 1997. Hoje, possui 104 lojas em operação. Uma unidade da rede apresenta faturamento médio mensal de 140 mil reais, com taxa de lucratividade média.

      Investimento inicial: 540 mil reais
      Prazo de retorno: 24 a 36 meses

      15 — Mordidela

      Mordidela

       (Mordidela/Divulgação)

      A Mordidela, rede de franquias que tem com foco em refeições rápidas, foi fundada em 2013. Alguns dos produtos vendidos são churros, lanches rápidos, salgados, brigadeiros e beijinhos. Com franquias desde 2015, a marca possui hoje 100 unidades comercializadas. O faturamento médio mensal é de 35 mil reais, com taxa de lucratividade média de 25%.

      Investimento inicial: 89,9 mil reais
      Prazo de retorno: 12 meses

      16 — Mr Fit

      Mr. Fit

       (Mr. Fit/Divulgação)

      A rede de alimentação saudável Mr. Fit foi fundada em 2013 e passou a franquear no ano seguinte. Hoje, possui mais de 100 lojas em operação. No modelo de microfranquia, uma unidade fatura em média de 4 a 20 mil reais mensais, com taxa de lucratividade média de 30%.

      Investimento inicial: 12 mil reais
      Prazo de retorno: 6 a 24 meses

      17 — Nação Verde

      Nação Verde

       (Nação Verde/Divulgação)

      A Nação Verde é uma rede de lojas com alimentos, cosméticos e suplementos naturais. Criada em 2010, a marca começou a franquear três anos depois. Hoje, possui 24 lojas ativas. A microfranquia, no modelo de revenda, fatura 10 mil reais em média e possui taxa de lucratividade média mensal de 20%.

      Investimento inicial: 30 a 40 mil reais
      Prazo de retorno: 18 meses

      18 — Nutty Bavarian

      Nutty Bavarian

       (Nutty Bavarian/Divulgação)

      A Nutty Bavarian, rede de quiosques de castanhas glaceadas, foi criada em 1996. Hoje, possui 138 quiosques em funcionamento. Uma unidade franqueada possui faturamento médio mensal de 32 mil reais, com taxa de lucratividade média de 12 a 15%.

      Investimento inicial: 99 mil reais
      Prazo de retorno: 12 a 18 meses

      19 — Pizza Hut

      Pizza Hut

       (Pizza Hut/Divulgação)

      A rede de pizzarias fast food Pizza Hut foi criada em 1958, nos Estados Unidos. Franqueando no Brasil desde 1998, hoje a marca possui 188 unidades locais. Uma franquia fatura em média 240 mil reais por mês, com taxa de lucratividade média de 15%.

      Investimento inicial: 1 milhão de reais
      Prazo de retorno: 36 meses

      20 — Porks

      Porks

       (Porks/Wallace Machado/Divulgação)

      A Porks, rede de franquias focada em carne suína e chope artesanal, foi criada em 2017 e passou a franquear no ano seguinte. Hoje, possui sete unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma unidade da rede é de 100 mil reais, com taxa de lucratividade média de 15%.

      Investimento inicial: 130 mil reais
      Prazo de retorno: 9 a 12 meses

      21 — Spoleto

      Spoleto

       (Capim Filmes/Spoleto/Divulgação)

      A rede de comida italiana expressa Spoleto foi criada em 1999. Hoje, possui 353 unidades em operação. O faturamento médio mensal de uma franquia é de 110 mil reais, com taxa de lucratividade média de 10 a 15%.

      Loja de shopping
      Investimento inicial: 495 mil reais
      Prazo de retorno: 36 a 40 meses

      22 — Taco Bell

      Taco Bell

       (Taco Bell/Divulgação)

      A rede de fast food mexicano Taco Bell nasceu em 1962, nos Estados Unidos. Chegou ao Brasil em 2016 e começou a franquear neste ano. Hoje, possui 28 unidades em operação no país. O faturamento médio mensal de uma franquia é de 200 mil reais, com taxa de lucratividade média mensal de 12 a 15%.

      Investimento inicial: 1,2 a 1,5 milhão de reais
      Prazo de retorno: 42 meses

      23 — Temaki Fry

      Temaki Fry

       (Léo Barrilari/Temaki Fry/Divulgação)

      A Temaki Fry, rede de franquias de culinária japonesa, foi criada em 2008 e passou a franquear em 2016. Hoje, possui 10 unidades em funcionamento. O faturamento médio mensal de um restaurante é de 100 mil reais, com taxa de lucratividade média de 12 a 15%.

      Investimento inicial: 250 mil reais
      Prazo de retorno: 24 a 36 meses

      24 — The Shaky

      The Shaky

       (The Shaky/Divulgação)

      A The Shaky é uma rede que trabalha com o sistema “faça você mesmo”, que permite aos clientes montar seu próprio milk shake. Fundada em 2015, possui onze unidades no Brasil e duas no Paraguai. O faturamento médio mensal de uma unidade é de 25 mil reais, com taxa de lucratividade média de 15 a 20%.

      Investimento inicial: 180 mil reais
      Prazo de retorno: 24 a 36 meses

        25 — Vivenda do Camarão

        Vivenda do Camarão

         (Vivenda do Camarão/Divulgação)

        A rede de restaurantes especializada em frutos do mar Vivenda do Camarão, fundada em 1984, possui 180 unidades em operação. Uma unidade fatura em média 110 mil reais por mês.

        Investimento inicial: 480 a 627 mil reais
        Prazo de retorno: 24 a 36 meses