25 franquias enxutas a partir de 1 m² para investir

Confira unidades franqueadas que possuem até 20 metros quadrados e são opções para quem quer empreender tendo pouco espaço:

São Paulo – Nem sempre os futuros empreendedores podem alugar ou comprar grandes pontos comerciais para começarem seus negócios. Pensando nessa dificuldade e nos tempos de crise econômica, muitas franqueadoras resolveram lançar modelos de franquia mais enxutos, ideais para quem tem pouco espaço para empreender.

O Site EXAME reuniu alguns desses formatos, com metragem de até 20 metros quadrados. Todas as informações, como investimento inicial e prazo de retorno, foram fornecidas pelas franqueadoras.

Confira, a seguir, 25 opções de franquias enxutas a partir de 1 metro quadrado para investir:

1 – 1 m²: Mapa da Mina

Mapa da Mina

 (Nelson Shiraga/Mapa da Mina/Divulgação)

A rede de franquias Mapa da Mina, com estandes de semijoias, começou a franquear em 2015 e possui atualmente 15 unidades. O espaço necessário para franquear é de 1 m².

Investimento inicial: 50 mil reais
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

2 – 1 m²: Mr. Kids

Mr. Kids

 (Tais Oliveira/Mr. Kids/Divulgação)

A Mr. Kids, rede de microfranquias de vending machines de doces e brinquedos, comercializa unidades desde 2012. O negócio possui 140 franqueados e mais de 7 mil máquinas em operação atualmente. O espaço mínimo para abrir uma unidade da marca é de 1 m², com um faturamento médio mensal que vai de 1,8 mil reais a 30 mil reais.

Investimento inicial: 18,7 mil reais
Prazo de retorno: 15 a 18 meses

3 – 2 m²: Geneal

Geneal

 (Geneal/Divulgação)

A Geneal, marca de alimentação cujo carro-chefe é o cachorro-quente, foi criada em 1963 e começou a franquear no ano 2000. A rede possui 12 lojas em operação e o espaço mínimo para abrir um carrinho da marca é de 2 m². O faturamento médio mensal vai de 30 a 40 mil reais.

Investimento inicial: 73 mil reais
Prazo de retorno: 24 meses

4 – 4 m²: Cheirin Bão

Cheirin Bão

 (Raul Presley/Cheirin Bão/Divulgação)

A rede de cafeterias Cheirin Bão está no franchising desde 2014 e possui 41 unidades em funcionamento. Para abrir uma franquia, é preciso ter um espaço a partir de 4 m². O faturamento médio mensal ronda os 42 mil reais.

Investimento inicial: 79 mil reais
Prazo de retorno: 3 a 11 meses

5 – 4 m²: KingCase

KingCase

 (KingCase/Divulgação)

A KingCase é uma rede de franquias que comercializa capinhas de celulares personalizadas. Entrando para o franchising em 2016, a marca possui oito unidades em operação. Uma franquia da KingCase no formato quiosque precisa de um espaço mínimo de 4 m². O faturamento médio mensal é de 50 mil reais.

Investimento inicial: 40,2 mil reais
Prazo de retorno: 12 meses

6 – 4 m²: Nutty Bavarian

Nutty Bavarian

 (Nutty Bavarian/Divulgação)

A Nutty Bavarian, especializada na venda de grãos torrados e glaceados, começou a franquear em 1997 e possui 135 unidades em operação. Uma franquia da marca precisa de um espaço de 4 m². O faturamento médio mensal é de 34 mil reais, com lucratividade de 6 mil reais no mesmo período.

 

Investimento inicial: 109 mil reais
Prazo de retorno: 18 meses

7 – 6 m²: Academia Store

Academia Store

 (Academia Store/Divulgação)

A Academia Store, rede de lojas oficiais do Palmeiras, existe desde 2013 e possui 35 lojas em operação. A rede oferece opções de quiosques com 6 m², 9 m² e 12 m², mas a média do modelo costuma ser de 10 m².

Quiosque 10 m²
Investimento inicial: 135 mil reais
Prazo de retorno: 18 meses

8 – 6 m²: Atitude Point

Atitude Point

 (Rafael Bassildo/Atitude Point/Divulgação)

Fundada em 2010, a Atitude Point é uma rede de franquias do ramo ótico. O negócio entrou para o franchising em 2015 e possui 41 quiosques em operação. Para abrir uma unidade da marca, o espaço mínimo necessário é de 6 m². O faturamento médio mensal é de 45 mil reais, com rentabilidade média de 16%.

Investimento inicial: 120 mil reais
Prazo de retorno: 18 meses

 

9 – 6 m²: Casa da Empada

Casa da Empada

 (Alexander Landa/Casa da Empada/Divulgação)

A rede de franquias de alimentação Casa da Empada foi fundada em 1987 e começou a franquear em 1998. Hoje, o negócio possui 29 unidades em operação. Para abrir um quiosque da marca, é necessário ter um espaço mínimo de 6 m². O faturamento média mensal vai de 33 mil reais a 62 mil reais.

Investimento inicial: 112 mil reais
Prazo de retorno: 16 a 24 meses

10 – 6 m²: Mestre-Cervejeiro.com

Mestre-Cervejeiro.com

 (Mestre-Cervejeiro.com/Divulgação)

O Mestre-Cervejeiro.com é uma rede de franquias de lojas especializadas em cervejas artesanais, com 63 unidades em operação. Uma franquia da marca necessita de uma área de 6 m². O faturamento médio mensal fica entre 35 mil reais e 45 mil reais, com margem de lucro de 10% a 15% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 80 mil reais
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

11 – 8 m²: Olha o Churros!

Olha o Churros!

 (Lilian Alves/Olha o Churros!/Divulgação)

A rede de franquias de alimentação Olha o Churros! aderiu ao franchising em 2015 e possui hoje 31 unidades em operação. Para abrir um carrinho da marca, é necessário um espaço mínimo de 8 m². O faturamento médio mensal é de 28 mil reais, com lucro líquido de 15% a 20% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 80 mil reais
Prazo de retorno: 15 a 24 meses

12 – 8 m²: Villa Roxa

Villa Roxa

 (Villa Roxa/Divulgação)

A Villa Roxa é uma franqueadora de alimentação que possui como carro-chefe o açaí. A marca franqueia desde 2012 e possui 31 unidades em operação. Para abrir uma operação franqueada, o espaço mínimo é de 8 m². O faturamento médio mensal é de 70 mil reais, com um lucro líquido médio de 30% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 160 mil reais
Prazo de retorno: 10 meses

13 – 9 m²: Padaria Pet

Padaria Pet

 (Stella Shieh/Padaria Pet/Divulgação)

A Padaria Pet é uma rede de petiscarias e confeitarias para cães e gatos franqueadas. A marca possui uma loja própria e outras quatro franqueadas. Uma franquia da rede possui uma área mínima de 9 m². O faturamento médio mensal vai de 25 mil reais a 35 mil reais.

Investimento inicial: 100 mil reais
Prazo de retorno: 40 a 48 meses

14 – 10 m²: Gigatron

Gigatron

 (João Vitor Natal/Gigatron/Divulgação)

A Gigatron é uma rede de franquias especializadas em serviços tecnológicos. A marca começou a franquear em 2012 e possui 62 unidades em operação. Uma franquia da marca necessita de uma área de cerca de 10 m². O faturamento médio mensal é de 5 mil reais, com lucro médio mensal de 3,5 mil reais.

Investimento inicial: 12 mil reais
Prazo de retorno: 12 meses

15 – 10 m²: Portaria Monitorada

Portaria Monitorada

 (Matheus Orillo/Portaria Monitorada/Divulgação)

A Portaria Monitorada é uma franquia especializada em oferecer serviço de portaria virtual. Começando no franchising em 2012, a marca possui sete unidades em operação. Uma unidade franqueada necessita de um espaço de entre 10 e 20 m². O faturamento médio mensal é de 20 mil reais.

Investimento inicial: 33 mil reais
Prazo de retorno: 6 meses

16 – 12 m²: CI Intercâmbio e Viagem

CI Intercâmbio e Viagem

 (Fábio Ernesto/CI Intercâmbio e Viagem/Divulgação)

A CI, rede de intercâmbio e viagem, foi fundada em 1988 e começou a franquear quatro anos depois. Hoje, o negócio possui 125 unidades em operação. Para abrir uma loja express da marca, é necessário um espaço mínimo de 12 m². O faturamento médio mensal é de 100 mil reais.

Express
Investimento inicial: 35 mil reais
Prazo de retorno: 12 meses

17 – 15 m²: Espetto Carioca

Espetto Carioca

 (Espetto Carioca/Divulgação)

A rede de bares e restaurantes Espetto Carioca foi fundada em 2011 e entrou para o franchising no ano seguinte. A marca possui 27 unidades em operação e trabalha com formatos enxutos de metragem a partir de 15 m². O faturamento médio mensal é de 75 mil reais.

Fast (Container)
Investimento inicial: 150 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

18 – 15 m²: Saladenha

Saladenha

 (Saladenha/Divulgação)

A Saladenha, rede de alimentação especializada em comida saudável, foi fundada em 2015 e começou a franquear no ano seguinte. Hoje, a marca possui seis restaurantes em operação. O espaço mínimo para abrir uma loja franqueada é de 15 m². O faturamento médio mensal é de 40 mil reais.

Investimento inicial: 130 mil reais
Prazo de retorno: 18 meses

19 – 15 m²: Sóbrancelhas

Sóbrancelhas

 (Sóbrancelhas/Divulgação)

A Sóbrancelhas, rede de franquias especializada no embelezamento do olhar, possui mais de 180 unidades em operação. Para abrir uma loja da marca no formato mais enxuto, é necessário um espaço mínimo de 15 m². O faturamento médio mensal é de 20 mil reais, com lucratividade líquida de 30% a 40% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 70 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 18 meses

20 – 16,5 m²: Boali

Boali

 (Marcelo Kahn/Boali/Divulgação)

A Boali, rede de franquias de alimentação saudável, nasceu em 2015 como um reposicionamento de marca da rede Salad Creations. Hoje, possui 35 unidades em operação. O formato de quiosque possui uma área mínima de 16,5 m². O faturamento médio mensal é de 90 mil reais, com lucratividade líquida de 12% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 300 mil reais
Prazo de retorno: 28 meses

21 – 18 m²: Meu Dever de Casa

Meu Dever de Casa

 (Meu Dever de Casa/Divulgação)

A Meu Dever de Casa, rede de escolas de apoio com técnicas de neuroeducação, foi criada em 2014 e entrou para o franchising em 2017. O negócio possui oito unidades em operação e, para abrir uma escola, é necessário um espaço mínimo de 18 m². O faturamento médio mensal é de 12 mil reais.

Investimento inicial: 35 mil reais
Prazo de retorno: 15 meses

22 – 20 m²: Amor aos Pedaços

Amor aos Pedaços

 (Amor aos Pedaços/Divulgação)

A marca de sobremesas Amor aos Pedaços foi fundada em 1982 e começou a franquear sete anos depois. O negócio possui 52 unidades em operação e, para abrir um quiosque, é necessário um espaço mínimo de 20 m². O faturamento médio mensal é de 80 mil reais, com lucratividade de 10% a 15% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 200 mil reais
Prazo de retorno: 24 meses

23 – 20 m²: Banneg

Banneg

 (Banneg/Divulgação)

A Banneg (Banco de Negócios) é uma rede especializada em consórcios e financiamentos. O negócio começou a franquear em 2017 e possui quatro unidades em operação. Uma franquia da marca necessita de um espaço de 20 m². O faturamento médio mensal vai de 300 mil reais a 500 mil reais, com lucro líquido mensal de 15 mil reais a 20 mil reais.

Investimento inicial: 32,4 mil reais
Prazo de retorno: 8 a 12 meses

24 – 20 m²: Master House

Master House

 (Adriano Fortunato/Master House/Divulgação)

A Master House é uma rede de franquias especializada em serviços de alvenaria, elétrica, hidráulica, jardinagem, pintura, gesso, impermeabilização, montagens e manutenção predial. Franqueando desde 2014, a marca possui 84 unidades em operação. Para abrir uma franquia, é necessária uma área mínima de 20 m². O faturamento médio mensal é de 80 mil reais, com lucro médio de 25% a 35% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 66 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 16 meses

25 – 20 m²: SuperGeeks

SuperGeeks

 (SuperGeeks/Divulgação)

A rede de escolas de programação e robótica SuperGeeks começou a franquear em 2015 e já possui mais de 50 unidades em operação. O modelo de negócios In School precisa de pelo menos uma sala de 20 m². O faturamento médio mensal é de 40 mil reais, com lucratividade média de 25% a 35% sobre tal faturamento.

Investimento inicial: 22 mil reais
Prazo de retorno: 8 meses