17 franquias conhecidas que lançaram modelos mais econômicos

Quer investir em uma marca conhecida do público, mas não tem muito capital disponível? Veja os formatos enxutos:

São Paulo – Na hora de escolher uma futura franquia, as unidades de marcas conhecidas do público costuma ser a primeira opção. Porém, os empreendedores logo encontram seu primeiro obstáculo: o alto investimento inicial que costuma acompanhar o reconhecimento da rede.

Vendo essa demanda (e os efeitos da crise econômica), muitas franqueadoras resolveram apostar no lançamento de modelos mais econômicos. Eles vão desde containers e quiosques até franquias de e-commerce e revenda de produtos.

O site EXAME elencou alguns desses formatos e seus respectivos investimos e prazos de retorno. Todas as informações foram fornecidas pelas marcas.

Confira, a seguir, franquias conhecidas que lançaram modelos mais econômicos:

1 – Jan-Pro: 20 mil reais

Jan-Pro

 (Lailson Santos/Jan-Pro/Divulgação)

A Jan-Pro é uma rede de franquias de limpeza comercial que chegou ao Brasil em 2011. Hoje, há 230 unidades da marca em funcionamento. Para 2018, a rede quer abrir outras 50 unidades. Os investimentos iniciais vão de 20 mil a 157 mil reais, dependendo do modelo escolhido.

Investimento inicial: 20 mil reais
Prazo de retorno: 8 a 12 meses

2 – Cacau Show: R$ 24 mil reais

Loja da Cacau Show

 (Cacau Show/Divulgação)

A Cacau Show foi fundada em 1988 e começou a franquear em 2004. Hoje, a marca de chocolates possui 2.085 unidades em operação e pretende abrir mais 206 operações em 2018. O negócio possui diversas modelos mais enxutos do que a loja tradicional: microfranquias de distribuição, chocolateria e gelateria, por exemplo.

Microfranquia de distribuição
Investimento inicial: 24 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 18 meses

Microfranquia de chocolateria
Investimento inicial: 35 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 18 meses

Microfranquia de gelateria
Investimento inicial: 38 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 18 meses

3 – Vivenda do Camarão: 30 mil reais

Vivenda do Camarão Vivenda do Camarão

Vivenda do Camarão (Vivenda do Camarão/Divulgação)

A rede de alimentação Vivenda do Camarão foi fundada em junho de 1984 e entrou no segmento de franchising em 1997. Hoje, o negócio possui 150 unidades em operação. O modelo da microfranquia da marca, chamado Vivenda em Casa, funciona através de uma plataforma e-commerce – o franqueado pode trabalhar de casa.

Investimento inicial: 30 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 24 meses

4 – Nutty Bavarian: R$ 55 mil

Nutty Bavarian Nutty Bavarian

Nutty Bavarian (Nutty Bavarian/Divulgação)

A Nutty Bavarian, rede especializada em grãos torrados e glaceados, começou a franquear no ano de 1997. A marca possui 135 pontos em operação. Para 2018, espera abrir outras 50 unidades – sendo que 30 serão no modelo enxuto, de quiosque.

Quiosque
Investimento inicial: 55 mil reais
Prazo de retorno: 12 a 18 meses

5 – Dermage: R$ 80 mil

Dermage

 (Bruno Ryfer/Dermage/Divulgação)

A rede de cosméticos foi fundada em 1990 e entrou para o franchising cinco anos depois. Além do modelo tradicional, de loja, a Dermage lançou também um formato quiosque. A marca possui 59 unidades em operação, sendo 35 delas franquias. Para 2018, espera abrir outras 8 lojas franqueadas.

Quiosque
Investimento inicial: 80 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

6 – Sorvetes Rochinha: R$ 109,5 mil

Quiosque da Sorvetes Rochinha

 (Francisco Pires/Sorvetes Rochinha/Divulgação)

A Sorvetes Rochinha é uma conhecida rede de franquias de sorvetes. O negócio possui um modelo chamado “Praça Rocinha”, com investimento inicial de 250 mil reais, e lançou recentemente seu modelo quiosque, com investimento inicial bem menor. Atualmente, a empresa tem doze franquias em operação, sendo oito delas quiosques.

Quiosque
Investimento inicial: 109,5 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

7 – Casa da Empada: R$ 112 mil

Casa da Empada

 (Fernanda Drummond/Casa da Empada/Divulgação)

A Casa da Empada foi fundada em 1987 e começou a franquear dez anos depois. O negócio possui 28 unidades em operação e pretende expandir 15% e 2018. A Casa da Empada possui tanto o modelo loja quanto o modelo quiosque, o qual é mais enxuto em investimento inicial e metragem.

Quiosque
Investimento inicial: 112 mil reais
Prazo de retorno: 16 a 24 meses

8 – Mundo Verde: R$ 120 mil

Quiosque da Mundo Verde

 (Mundo Verde/Divulgação)

A rede Mundo Verde, especializada em produtos naturais e orgânicos, entrou para o franchising em 1993. Hoje, conta com 400 unidades em operação. A marca lançou recentemente um modelo mais enxuto, no formato quiosque.

Quiosque
Investimento inicial: 120 mil reais
Prazo de retorno: 12 meses

9 – Hope: 150 mil reais

Hope

 (Hope/Divulgação)

A marca de lingerie Hope foi fundada em 1966 e começou a franquear em 2005, trabalhando com lojas grandes e mais enxutas. Com 168 unidades em operação, a rede espera mais 30 lojas em 2018.

Investimento inicial: 150 mil reais
Prazo de retorno: 24 meses

10 – Patroni: R$ 150 mil

Unidade Express da pizzaria Patroni

 (Patroni/Divulgação)

A Patroni, rede de pizzarias franqueadas, foi fundada em 1984 e iniciou as atividades no franchising em 2003. A marca possui 210 unidades em operação e espera abrir outras 32 em 2018. Seu formato “Express” é voltado para quem quer montar pizzarias em lugares com grande fluxo de pessoas, tais como estações de trens, estádios e ruas.

Express
Investimento inicial: 150 mil reais
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

11 – Jin Jin: R$ 200 mil

Quiosque da Jin Jin

 (Jin Jin/Divulgação)

A rede Jin Jin foi fundada em 1992 e começou a franquear no mesmo ano. Hoje, a marca possui 79 unidades em operação. O lançamento de seu modelo quiosque faz parte da estratégia para crescer em momentos de crise econômica, segundo a franqueadora, que espera crescer 15% em 2018.

Quiosque
Investimento inicial: 200 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

12 – Chiquinho Sorvetes: R$ 280 mil

Quiosque da Chiquinho Sorvetes

 (Fabiano Panizzi/Chiquinho Sorvetes/Divulgação)

A Chiquinho Sorvetes foi fundada em 1980 e entrou para o franchising em 2010. Hoje, são 426 sorveterias em funcionamento. Para 2018, a rede espera abrir mais 80 unidades. Além do modelo loja, a marca oferece o modelo quiosque, mais enxuto.

Quiosque
Investimento inicial: 280 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 32 meses

13 – Mr. Cheney: R$ 349 mil

Mr. Cheney

 (Mr. Cheney/Divulgação)

A rede Mr. Cheney é especializada na venda de cookies, os famosos biscoitos no estilo americano. Sua primeira loja foi aberta em 2005 e a marca começou a franquear em 2012. Hoje, possui 70 unidades em operação. Para 2018, a Mr. Cheney espera crescer 80% sobre este ano. Além de lojas, a marca também trabalha com quiosques.

Investimento inicial: 349 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

14 – Calçados Bibi: 350 mil reais

Calçados Bibi

 (Calçados Bibi/Divulgação)

A rede Calçados Bibi foi fundada em 1949 e ingressou no mercado de Franchising em 2008. A marca possui 95 unidades em operação e espera abrir outras 25 em 2018. Além de seu modelo padrão de loja, a Calçados Bibi lançou um modelo chamado de “Loja Fit”, com menor investimento inicial e metragem.

Loja Fit
Investimento inicial: 350 mil reais
Prazo de retorno: 36 meses

15 – Croasonho: R$ 370 mil

 (Marcelo Soares/Croasonho/Divulgação)

A rede Croasonho, especializada em vender croissants recheados, foi criada em 1997 e passou a franquear em 2009. O negócio conta com 75 unidades em operação e espera abrir outras 25 no próximo ano. Além de seu modelo clássico, de loja, a Croasonho lançou recentemente seu modelo em container.

Container
Investimento inicial: 370 mil reais
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

16 – Pandora: R$ 500 mil reais

Pop Up Evolution, da Pandora

 (Pandora/Divulgação)

A rede dinamarquesa de joias Pandora chegou ao Brasil em 2009 e atualmente possui 96 lojas em operação no país. No total, a marca espera fechar este ano com 106 pontos de venda, sendo que oito serão em um novo modelo: o de “pop-up stores”, feitos para lugar ainda não explorados pela Pandora e com investimento inicial 70% menor do que o de uma loja tradicional.

Pop Up Evolution
Investimento inicial: 500 mil reais
Prazo de retorno: 36 meses

17 – Johnny Rockets: R$ 750 mil

Loja Express da Johnny Rockets

 (Johnny Rockets/Divulgação)

A rede de hamburguerias Johnny Rockets chegou ao Brasil em 2014 e entrou para o franchising em junho deste ano. O negócio possui 14 unidades em operação e espera abrir outras seis nos próximos meses. Recentemente, a marca lançou seu modelo Express, com menor investimento inicial e metragem.

Express
Investimento inicial: 750 mil reais
Prazo de retorno: 30 meses