12 máquinas para abrir uma empresa a partir de R$ 120

Na Feira do Empreendedor, organizada pelo Sebrae, elencamos maquinários que vão dos alimentos até brindes, impressão 3D e peixes

As máquinas para empreender, geralmente voltadas a quem busca renda extra ou trabalhar da própria residência, fizeram sucesso na Feira do Empreendedor. Organizada pelo Sebrae, a atividade ocorreu dos dias 5 a 8 de outubro e reuniu expositores e especialistas em negócios próprios.

EXAME visitou os estandes e selecionou algumas das máquinas presentes no evento. São equipamentos que atendem diversos setores de produção — desde alimentos até brindes, impressão 3D e peixes. O investimento inicial parte de 120 reais (veja ao final desta matéria).

Para escolher a melhor máquina ao seu negócio, o diretor superintendente do Sebrae de São Paulo Wilson Poit recomenda fazer-se três perguntas: “quem eu sou?”, “no que eu sou bom?” e “quem eu conheço?”. Pense em seus sonhos, em suas habilidades e em quem você pode contar para abrir portas ou divulgar sua empresa. “Para ser empreendedor, é preciso ser resiliente. É melhor escolher algum setor de que você gosta do que comprar uma máquina só porque ouviu dizer que dá dinheiro”, diz Poit.

Também evite as compras por impulso: a falta de planejamento é o maior erro dos empreendedores de primeira viagem, segundo o diretor superintendente. Além de olhar para o investimento inicial, calcule o capital de giro necessário para se sustentar e sustentar o negócio até que a empresa vire — não retira recursos do empreendimento para pagar suas contas pessoais. Se não for bom em contas, peça a ajuda de algum amigo com mais experiência.

Compare a máquina com a de concorrentes e peça o número de quem já comprou um equipamento similar. Ligue e faça perguntas sobre vantagens e desvantagens. Só adquira o produto quanto estiver realmente seguro e confira as garantias dadas pela dona da máquina. 

Com o equipamento comprado, é bom já ter em mente qual será o seu diferencial. “Vale para todo empreendedor, mas especialmente ao de máquina. Outras pessoas compram o mesmo equipamento, então vá além dos produtos para fugir da guerra de preços. Os clientes buscam serviços completos, então ofereça-os. Pode ser delivery ou presença em eventos, por exemplo”, diz Poit.

Quer empreender por meio de equipamentos simples? Então veja, a seguir, 12 máquinas para abrir uma empresa a partir de R$ 120:

1 — R$ 120: gel para brindes

Art gel, da empresa 3D Art Art gel, da empresa 3D Art

Art gel, da empresa 3D Art (Mariana Fonseca/EXAME)

A 3D Art oferece o gel para personalização art gel, como um substituto para o uso de resinas e máquinas. O gel pode ser usado para adesivos, chaveiros e medalhas. 

Basta imprimir a imagem, recortá-la, colocá-la no item de escolha e aplicar o gel, que para sozinho nas bordas da imagem. Uma lanterna seca, que vem junto ao gel, realiza a secagem do material.

2 — R$ 549: carimbos

Kit da StampSet Kit da StampSet

Kit da StampSet (Mariana Fonseca/EXAME)

A StampSet vende uma máquina para produção de carimbos em cinco minutos. O kit inicial da empresa pode produzir 40 borrachas que serão acopladas a carimbos.

O empreendedor deve imprimir as imagens ou letras que irão no carimbo em folhas especiais, inclusas no kit da StampSet. As figuras são colocados em um molde, onde se despeja borracha líquida. A máquina da StampSet seca a borracha, que virará um molde para carimbo.

3 — R$ 794: brinquedos

Vending machines da Manda Bala

 (Mariana Fonseca/EXAME)

A empresa Manda Bala tem vending machines de brinquedos e doces que podem ser instaladas em um comércio próprio ou no de terceiro (em troca de um repasse de 15 a 20% ao dono do espaço).

O investimento inicial mínimo é de 794 reais, por duas máquinas pequenas, um pedestal, uma base para as máquinas e os produtos para abastecê-las. A venda média mensal é de 200 reais por cada máquina. O retorno do capital ocorre entre quatro e oito meses.

Na Feira do Empreendedor, a Manda Bala oferecia um conjunto com dez máquinas, cinco pedestais, 1,5 mil bolinhas e mil gelecas por quatro mil reais.

4 — R$ 922: bottons, chaveiros e ímãs

Máquina de bottons da Cardenas Máquina de bottons da Cardenas

Máquina de bottons da Cardenas (Mariana Fonseca/EXAME)

A empresa de máquinas Cardenas, criada em 1957, tem uma máquina manual para produzir abridores, bottons, chaveiros e ímãs de geladeiras em diversos formatos e tamanhos. Os materiais podem ser vendidos para presentes personalizados e para empresas, por exemplo.

É preciso ter um computador e uma impressora colorida para fazer os produtos, junto da máquina manual da Cardenas. O preço da máquina é de 922 reais e inclui material para 100 bottons desmontados. Falando da Feira do Empreendedor, a Cardenas cede mais 200 bottons desmontados. O custo de cada botton é de 40 centavos e os clientes da Cardenas costumam vendê-los por 2,50 a 3 reais.

5 — R$ 2.650: copos, canetas e pen drives

Giro 360, da Barato Máquinas Giro 360, da Barato Máquinas

Giro 360, da Barato Máquinas (Mariana Fonseca/EXAME)

A Barato Máquinas de Sublimação tem um equipamento, chamado Giro 360, para personalizar copos de acrílico, canetas e pen drives para festas ou para empresas. A máquina é voltada para quem busca renda extra e trabalhar de casa, segundo a Barato Máquinas.

6 — R$ 2.990: estampas de tecido

Máquina da FastPatch Máquina da FastPatch

Máquina da FastPatch (Mariana Fonseca/EXAME)

A FastPatch é uma recortadora de tecido para estampas em materiais como panos e roupas. A máquina da empresa vem um software para selecionar formas desejadas e então recortar o tecido em 10 segundos. Com um ferro na temperatura para algodão, o tecido recortado pode ser aderido a outras peças.

O kit de cerca de três mil reais vem com máquina de recorte, ferro de passar, treinamento em DVD, cartão de descontos e vantagens, 40 tecidos, 20 glitters, 3,2 mil strass e metais e 200 arquivos para recortes.

7 — R$ 4.290: espetinhos de churrasco

Churras, da Barato Máquinas Churras, da Barato Máquinas

Churras, da Barato Máquinas (Mariana Fonseca/EXAME)

A Barato Máquinas tem uma máquina para espetinhos de churrasco — carne, frango, linguiça e outro sabores. Com sistema giratório, faz uso de gás ou carvão. A máquina, chamada Churras, assa 180 espetinhos por hora. O preço é de cerca de 4,3 mil reais.

8 — R$ 4.300: impressão 3D

Chiron, da 3D Applications Chiron, da 3D Applications

Chiron, da 3D Applications (Mariana Fonseca/EXAME)

A 3D Applications tem uma máquina de impressão 3D, chamada Chiron. O equipamento comporta 30 tipos de materiais, mais ou menos rígidos. Tudo começa com modelos tridimensionais, feitos em softwares como Autocad e Maya e exportados para a Chiron no formato .STR.

Segundo a 3D Applications, o processo de impressão 3D pode levar horas e não é muito indicado para a produção em série — como bottons ou chaveiros. Exemplos de produtos feitos com a Chiron são presentes de decoração e maquetes de arquitetura. Na hora de precificar, leve em conta o custo do material e os gastos de energia e tempo de trabalho.

Fora os 4.300 pela máquina de impressão 3D, é preciso adquirir fios termoplásticos para a máquina e o material de impressão separadamente.

9 — R$ 9.500: bichinhos de pelúcia

Máquinas da Altech Máquinas da Altech

Máquinas da Altech (Mariana Fonseca/EXAME)

A Altech produz diversas vending machines para alimentação, brincadeiras infantis e festas. As máquinas não precisam de funcionários e são instaladas em locais fixos ou temporários.

Os preços variam de 3,5 mil reais a 125 mil reais. No caso das imagens acima, a máquina de pelúcias azul sai por 9,5 mil reais e a máquina rosa sai por 59 mil reais.

10 — R$ 11.990: coxinhas moldadas e empanadas

Máquina de empanar coxinhas da Bralyx Máquina de empanar coxinhas da Bralyx

Máquina de empanar coxinhas da Bralyx (Mariana Fonseca/EXAME)

A Bralyx tem máquinas para produzir salgadinhos como bolinhas, churros, coxinhas, croquetes e travesseirinhos. Além da moldadora, possui a empanadora dessas iguarias. A máquina mais simples produz 4.000 salgados por hora e sai por cerca de 12 mil reais.

11 — R$ 11.990: panquecas

Panquequeira da BeitaRoched Panquequeira da BeitaRoched

Panquequeira da BeitaRoched (Mariana Fonseca/EXAME)

A indústria e comercializadora de máquinas para alimentos BeitaRoched tem uma panquequeira redonda e quadrada. O equipamento molda 420 unidades pequenas de panquecas por hora, ou 210 panquecas grandes. A panquequeira sai por cerca de 12 mil reais.

12 — R$ 64.000: fábrica de peixes

Fábrica de Peixes Fábrica de Peixes

Fábrica de Peixes (Mariana Fonseca/EXAME)

A Fábrica de Peixe é um sistema de criação e cultivo intensivo, projetado para funcionar em espaço reduzido, com baixo consumo de água, energia e mão de obra. Foi criado pela empresa Recolast.

Um espaço de 85 metros cúbicos, para produção de três mil alevinos e uma tonelada por mês, sai por 64 mil reais. Os peixes levam cinco meses para chegarem ao tamanho ideal de venda, de 500 gramas cada. O custo de cada quilo de peixe sai por três reais e, segundo a empresa Recolast, pode ser vendido por três vezes o valor e acima com a estratégia comercial e região corretas.

O investimento inclui capacitação técnica e um sistema com biodigestor, para processamento de matéria orgânica que atende 30% da alimentação dos peixes automaticamente. Os alevinos e a ração restantes são adquiridos separadamente.