Volkswagen faz recall de 15,9 mil minivans feitas para a Chrysler

Fabricante é a 4ª a notificar nesta semana a agência de segurança no tráfego viário dos EUA sobre um recall voluntário

Detroit – A Volkswagen tornou-se a quarta fabricante de carros nesta semana a notificar a Administração de Segurança no Tráfego Viário dos EUA (NHTSA, na sigla em inglês) sobre um grande recall voluntário. A empresa está fazendo o recall de 15.902 unidades de sua minivan Routan 2009, por conta de um possível problema elétrico que pode provocar incêndios, de acordo com um comunicado publicado no site da NHTSA. A Chrysler Group LLC monta os veículos para a Volkswagen na sua unidade de Windsor, em Ontário (Canadá). As informações são do Wall Street Journal.

Na segunda-feira, a Chrysler anunciou o recall de 318.974 unidades do Chrysler Town & Country e da minivan Dodge Grand Caravan por conta do mesmo problema elétrico. As minivans são fabricadas na mesma unidade que os veículos convocados pela Volks.

Sob certas circunstâncias, o suporte inferior da dobradiça da porta deslizante pode encostar em algumas instalações elétricas internas, o que pode causar um incêndio na porta deslizante traseira. Ambas as empresas ainda não reportaram nenhum caso de prejuízos ou acidentes relacionados ao problema.

O recall destaca uma hipersensibilidade na indústria automobilística a rapidamente iniciar recalls após o caso da Toyota Motor. A montadora foi multada em US$ 16,4 milhões por não ter notificado a NHTSA sobre os defeitos que levaram o pedal do acelerador de alguns de seus veículos a “travar”, causando uma aceleração independente da vontade do motorista.

Mais cedo nesta semana, a General Motors Co. fez um recall de 1,5 milhão de veículos devido a um problema no sistema de fluidos do limpador de para-brisa que pode provocar um incêndio no mecanismo. Os problemas continuaram a acontecer mesmo após um reparo ter sido feito em 2008.

A Suzuki Motor fez um recall de 46.549 unidades dos veículos Grand Vitara e XL-7 por conta de um problema que pode gerar uma interferência no cabo do acelerador.

A Volkswagen vai começar o recall ainda este mês, embora uma data específica não tenha sido fornecida. As informações são da Dow Jones.