ViajaNet cresce 30% em 2017 e mira R$ 1 bilhão de faturamento

Um dos principais investimentos da companhia no ano passado foi em tecnologia

São Paulo –  A agência de viagens on-line ViajaNet registrou faturamento de 750 milhões de reais em 2017, um crescimento de 30% em relação ao ano anterior. A expectativa para 2018 é que número chegue a 1 bilhão de reais.

As viagens para o exterior são a maioria na companhia: elas representaram 65% das vendas no ano passado.

Um dos principais investimentos da companhia no ano passado foi em tecnologia, como no autoatendimento do site, o que desafoga o call center. Marcação de assentos, cancelamento e remarcação de passagens são alguns serviços que já foram implementados na companhia.

Outro investimento é na experiência de compra pelo celular. Em 2017 foi a primeira vez que o tráfego mobile passou o desktop, representando 51% das visitas do site; em termos de vendas já são mais de 33% e a empresa espera chegar no final do ano com 45% delas realizadas por smartphones.

Para 2018, o foco está na venda de pacotes, estratégia que teve início em 2017.

A grande vantagem está no preço, explica Bob Rossato, sócio-fundador. Ao vincular a passagem aérea e o hotel no ato da compra, é possível economizar até 20%.

Veja também