Vestas demitirá 1.400 funcionários

O líder mundial do setor de energia eólica já havia cortado mais de 2 mil postos de trabalho em janeiro

Copenhague – O grupo dinamarquês Vestas, líder mundial do setor de energia eólica, vai demitir 1.400 funcionários até o fim do ano, depois do corte de 2.335 postos de trabalho em janeiro.

A empresa pretende terminar o ano com 19.000 funcionários, o que segundo a Vestas contribuirá para reduzir os custos fixos de mais de 250 milhões de euros e permitirá que o grupo seja rentável em 2013.