Vale nomeia executivo para liderar grupo de resposta imediata

Cláudio Alves será o responsável por comandar todas as ações emergenciais relacionadas aos atingidos pelo rompimento da barragem em Brumadinho

O executivo Cláudio Alves foi nomeado hoje (29) pela Vale para liderar o Grupo de Resposta Imediata, que segundo a companhia vai consolidar todas as ações emergenciais, de qualquer natureza, relacionadas aos atingidos pelo rompimento, na sexta-feira passada, da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG).

O comitê foi criado no dia 25 de janeiro e, conforme a Vale, Cláudio Alves já se mudou para Belo Horizonte de forma permanente. A intenção é que o grupo intensifique a agilidade e eficiência das ações na região de Brumadinho.

De acordo com a empresa, Cláudio Alves está companhia desde 1992 e ocupava há dois anos a diretoria de Pelotização e Manganês. “A Vale reforça que a prioridade máxima da empresa é apoiar nos resgates para ajudar a preservar e proteger a vida de empregados e das comunidades locais”, conclui a nota da Vale.

A pichação da fachada do prédio onde está instalada a Vale, em Botafogo, zona sul do Rio, feita ontem (28), durante uma manifestação, foi coberta hoje à tarde com tinta branca. No prédio estão instaladas também outras empresas.