UBS acerta compra da Consenso, maior multi-family office do país

O UBS se torna, assim, o mais recente banco suíço a apostar no crescimento do setor de private banking no país

O UBS Group concordou em adquirir participação majoritária na Consenso Investimentos, maior multi-family office independente do país, segundo comunicado por email.

O UBS se torna, assim, o mais recente banco suíço a apostar no crescimento do setor de private banking no país.

“Essa transação vai permitir ao UBS acelerar sua expansão no Brasil e demonstra seu comprometimento de longo prazo com o crescimento da gestão de fortunas nesse mercado-chave”, disse Alejandro Velez, chefe da área de gestão de fortunas do UBS na América Latina, no comunicado. Ele não quis dar detalhes de preço para a transação, que a companhia espera finalizar no início do terceiro trimestre.

Bancos suíços como Julius Baer e Credit Suisse Group apostam na continuada expansão do setor de private banking no Brasil. O total de fortunas sob administração teve alta de 19 por cento em 12 meses até fevereiro, para R$ 863,6 bilhões, segundo dados da Anbima.

A Consenso, com 60 empregados e R$ 20 bilhões sob gestão, foi fundada em 2003 pelos ex-sócios do Banco BBA Creditanstalt, comprado pelo Itaú em 2002.

A empresa tem sede em São Paulo e escritórios no Rio de Janeiro, Curitiba e Belo Horizonte. O UBS tinha 250 funcionários e R$ 8 bilhões em fortunas sob gestão antes de adquirir a Consenso.

Este conteúdo foi originalmente publicado na Bloomberg.