Toyota e Suzuki negociam união para novo projeto

Toyota e Suzuki farão o desenvolvimento conjunto de um carro autônomo e de veículos de baixo custo

São Paulo – As montadoras japonesas Toyota e Suzuki afirmaram nesta quarta-feira que estão em negociação para o desenvolvimento conjunto de um carro autônomo e de veículos de baixo custo.

Segundo as companhias, essa união tem o intuito de suportar o alto investimento em pesquisa e desenvolvimento na indústria, que, de acordo com as duas montadoras, tem mudado “drástica e rapidamente, sem precedentes”.

Tanto a Toyota como a Suzuki, essa última especializada em minicarros com preços mais baratos, dizem que vão focar em áreas como meio-ambiente, segurança e tecnologia da informação, para adquirir também aquilo que classificaram como um “novo padrão industrial”.

Ambas as companhias, que reconhecem viver um clima de incerteza e de certo atraso em relação aos rivais nos Estados Unidos e na Europa, dizem que vão explorar as oportunidades e competir de maneira justa e independente entre si, mas não deram mais detalhes sobre como esse acordo funcionaria na prática.

Esse tipo de união, contudo, é um movimento que vem sendo ampliado ao redor do mundo, já que muitas montadoras acham melhor investir juntas em projetos desse tipo do que sozinhas.

A própria Toyota, por exemplo, trabalha ao lado da BMW em um projeto para desenvolver um carro elétrico.

A Suzuki já tentou se aliar a Volkswagen para ganhar know-how em tecnologia, mas o acordo fracassou.

A Suzuki vende mais de 2 milhões de carros por ano, enquanto a Toyota vende mais de 10 milhões ao redor do mundo.