TIM no Brasil impulsiona lucro da Telecom Italia

Lucro da empresa subiu 33% na comparação com o mesmo período do ano passado, para 807 milhões de euros

Milão – A Telecom Italia divulgou hoje que seu lucro líquido no terceiro trimestre subiu 33% na comparação com o mesmo período do ano passado, para 807 milhões de euros, de 608 milhões de euros. A receita cresceu 12%, para 7,52 bilhões de euros. Analistas previam lucro de 706 milhões de euros e receita de 7,48 bilhões de euros. Às 8h30 (horário de Brasília) as ações da gigante das telecomunicações subiam 4,73% na Bolsa de Milão.

Segundo a companhia, o desempenho no período foi beneficiado pelos fortes resultados na Argentina e no Brasil, por meio da sua unidade TIM. Na Itália, porém, a queda na confiança dos consumidores pressiona as operações da empresa.

A receita das operações da companhia no Brasil cresceu 15%, para 1,87 bilhão de euros, e o lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização (Ebtida, na sigla em inglês) aumentou 8,3%, para 496 milhões de euros.

A dívida líquida do grupo no fim de setembro ficou em 29,95 bilhões de euros, de 31,51 bilhões de euros no fim de junho. Como parte de um plano estratégico anunciado em fevereiro, a companhia pretendia cortar sua dívida líquida ajustada para cerca de 29,5 bilhões de euros no fim do ano e 25 bilhões de euros em 2013.

Mas hoje a Telecom Italia disse que a dívida líquida deve ficar em torno de 30,7 bilhões de euros este ano, porque pagará quase 1,2 bilhão de euros por frequências para telefonia celular LTE na Itália. A receita e o Ebtida em 2011 devem ficar estáveis ante 2010. As informações são da Dow Jones.