Swisscom abre unidade blockchain para desenvolver apps na Suíça

Swisscom terá uma participação de 70 por cento na Swisscom Blockchain com os 30 por cento restantes mantidos por seus sócios fundadores

Zurique – A Swisscom está estabelecendo uma nova unidade de blockchain para desenvolver aplicativos, inclusive para possíveis soluções para negociações fora das bolsas, informou nesta quinta-feira a companhia telefônica do governo suíço.

A Swisscom terá uma participação de 70 por cento na Swisscom Blockchain com os 30 por cento restantes mantidos por seus sócios fundadores. Daniel Haudenschild está saindo da EY para a Swisscom para liderar a unidade.

A tecnologia blockchain mantém o registro de transações através de uma rede de computadores, em vez de uma autoridade centralizada e foi criada inicialmente como uma maneira de negociar a criptomoeda bitcoin.