Santander e Zurique cogitam aliança em seguros na América Latina

Parceria deve potencializar a presença do Santander no setor em 5 mercados chaves: Brasil, Chile, México, Argentina e Uruguai

Madri – O Banco Santander e a seguradora Zurique acordaram formar “uma aliança estratégica” na América Latina que potencializará o negócio de seguros em cinco mercados chaves para o grupo espanhol: Brasil, Chile, México, Argentina e Uruguai.

Santander criará uma holding para integrar as “unidades” de seguros na América Latina, detalhou a entidade em comunicado à Comissão Nacional da Bolsa de Valores (CNMV).

Zurique vai adquirir 51% do capital e fará a gestão das companhias. Já o Santander manterá 49% do capital da holding e vai assinar um acordo de distribuição para venda de produtos de seguro em cada país durante 25 anos.

A operação representa para o grupo espanhol acréscimo de US$ 1,210 bilhão, com objetivo de reforçar o balanço do banco, informou nesta terça a entidade presidida por Emilio Botín ao regulador da bolsa espanhol.

A operação avalia o negócio de seguros do Grupo Santander, alvo da transação, em US$ 3,275 bilhões e Zurique pagará ao banco na data de fechamento da operação 51% do aporte, US$ 1,670 bilhão, acrescentou a entidade espanhola.

Adicionalmente, o acordo inclui pagamentos em função do cumprimento do plano de negócio nos próximos 25 anos e um esquema de proteção no caso de complementos inferiores ao mesmo.

O fechamento da operação está sujeito a documentação final e às autorizações dos reguladores.