Rival da Daiso, Miniso quer abrir 50 lojas em 2017

A inauguração da primeira loja da Miniso no país, em agosto, quebrou o recorde mundial de vendas em um dia

São Paulo – Rival da Daiso, a Miniso está com planos agressivos de expansão. A loja de produtos japoneses quer chegar a 2 mil unidades no Brasil até 2020.

A inauguração da primeira loja da Miniso no país, em agosto, quebrou o recorde mundial de vendas em um dia: foram 153 mil reais em produtos.

Os planos da companhia para o Brasil também são dignos de recorde. Em 2017, a expectativa é inaugurar 50 lojas em São Paulo, 20 na capital e outras 30 no resto do estado. Já em 2018 são cerca de 200 lojas e em 2019, outras mil lojas. “Com este plano, esperamos fechar o ano de 2020 com 2 mil lojas no Brasil”, afirmou Frank Wei, presidente da Miniso no Brasil.

Por enquanto, as lojas confirmadas são no estado de São Paulo e Rio de Janeiro. Até agora, são três lojas inauguradas e mais duas que devem abrir na próxima semana. Já são mais de 160 funcionários, contando com lojistas e equipe do escritório.

A rede já investiu 4,8 milhões de reais no Brasil e planeja aplicar 50 milhões de reais nos próximos anos. “Apenas na primeira loja (Shopping Ibirapuera), investimos mais de 3 milhões de reais”, disse o presidente.

Para Wei, o momento é ideal para iniciar as operações no Brasil, que está se recuperando da crise econômica. “Vendemos produtos a preços acessíveis. Com a crise, as pessoas reduzem os gastos e deixam de comprar produtos mais caros. Nos presentes, optam pela lembrancinha”, afirmou.

Todos os itens são de marca própria. A maioria custará R$ 9,99, mas os preços começam em R$ 3 e podem chegar a R$ 200. Apesar dos preços serem baixos, a média dos valores no Brasil é superior em relação a outros países. “O Brasil possui muitos impostos, o que dificulta diminuirmos os preços”, disse o presidente.

Com pressa

A forte expansão planejada para o Brasil condiz com a estratégia internacional da companhia. Ela abre de 80 a 100 lojas todos os meses. Com quatro anos de existência, a Miniso tem mais de duas mil lojas em mais de 50 países como Japão, Estados Unidos, Canadá, Coreia, China, Austrália, México, Alemanha e agora o Brasil.

O ritmo de lançamentos também é acelerado: são 70 novos itens todos os meses. Com tantas lojas, no ano passado a empresa atingiu uma receita de quase 10 bilhões de RMB, o que equivale a 1,5 bilhões de dólares.

A Miniso nasceu em Tóquio, no Japão, em 2013. Foi fundada por Miyake Junya, designer-chefe da marca, e Ye Guofu, empresário chinês. O centro de pesquisa e desenvolvimento da empresa está no Japão, mas a sede, conselho de administração e fábricas estão na China. “Apesar de ter essência japonesa e estratégia de negócios chinesa, a Miniso é global e está no mundo”, declara Wei.