Riachuelo colocará em prática nova lei trabalhista em toda a rede

O presidente da rede, Flavio Rocha, considera irracional o argumento de que as novas regras da reforma podem pressionar os salários do setor para baixo

São Paulo – A Riachuelo irá colocar em prática as novas regras vindas com a reforma trabalhista imediatamente. Em entrevista à Folha de S. Paulo, o presidente da rede, Flavio Rocha, comemorou princialmente a legalização da jornada intermitente. “Serviços têm que ser prestados na hora que o cliente quer, nos fins de semana. Por isso a jornada flexível e o trabalho intermitente são imprescindíveis”.

Segundo Rocha, o mercado de trabalho brasileiro ainda vivia na era Getúlio Vargas em termos de legislação. “Naquela época, a única expectativa de emprego formal era na indústria”. O empresário destaca que os tempos hoje são outros: “hoje, o setor de serviços responde por 75% dos empregos, e a indústria, 9%”.

Questionado sobre a possibilidade de a terceirização e a jornada intermitente fragilizarem os trabalhadores – consequência negativa das novas regras, segundo opositores da reforma – o presidente da Riachuelo diz que a burocracia trabalhista está isolada falando só em causa própria: “os trabalhadores não se mobilizam nesse sentido”, defende.

Rocha também disse considerar irracional o argumento de que as novas regras da reforma podem pressionar os salários do setor para baixo. Também não procede para o empresário que os trabalhadores podem perder poder de barganha por melhores direitos: “o bom sindicalismo vai se fortalecer”.

Novas regras

A reforma trabalhista aprovada pelo Congresso foi sancionada pelo presidente Michel Temer no dia 13 de julho, e entrou em vigor no sábado, 11. Entre os 100 pontos modificados da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), está a possibilidade de parcelamento das férias em até três vezes no ano, o fim da contribuição sindical e a possibilidade de acordo em relação a benefícios do trabalhador em caso de demissão.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. An impressive share! I’ve just forwarded this onto a fiend
    who has been doiing a little research on this. And he
    actually ordered me breakfast because I found it for
    him… lol. So let me reword this…. Thank YOU for the meal!!
    But yeah, thanx for spending time too discuss this issue here on your blog.

  2. Não, longe disso! Noticiarista formado em 2009 pela Unopar. http://w.yy371.cn/comment/html/?13792.html

  3. I wull right away seize your rss feed aas I can’t in finding yohr e-mail subscription hyperlink or e-newsletter service.
    Do you have any? Kindly leet me recognise in order that Imay subscribe.
    Thanks.

  4. I realy like iit when folks come together and share views. Great blog, conhtinue the
    good work!

  5. This piece of writing is truly a pleasant one it assists new web users, who are wishing for blogging.