Renault Koleos fica mais bonito para chegar a 80 países

Se antes o desenho não era o forte do SUV, com cara de Megane e Talisman, ele ganha mais fôlego e ambição para encarar o mundo

A Renault mostrou, durante a abertura do Salão de Pequim, a nova geração do Koleos, um SUV que compartilha a plataforma do Nissan Qashqai, com tamanho e proposta semelhantes à de Toyota Rav4 e Honda CR-V.

Apesar do local escolhido para a estreia e diferentemente dos conterrâneos do Grupo PSA, o francês não será exclusivo para o mercado chinês, pelo contrário.

A marca pretende comercializar o SUV topo de linha em, ao menos, 80 países diferentes. A má notícia nós deixamos para o final: não espere por ele no Brasil.

O visual é a primeira grande evolução do Koleos, uma vez que seu antigo desenho nunca lhe permitiu grandes números de vendas.

A atual identidade foi herdada dos novos Megane e Talisman, com faróis afilados seguidos de um “apêndice” iluminado por leds que desce em direção ao para-choque, além do losângulo da Renault em evidência no centro da grade.

(Divulgação)

No caso do Koleos, o capô dá ideia de robustez com seis vincos e uma falsa saída de ar nas portas dianteiras dão a ideia de esportividade.

A traseira tem lanternas horizontais que seguem para o centro da tampa do porta-malas. As rodas são de 19 polegadas.

Para quem já conhece os últimos lançamentos da marca, o interior é mais do mesmo. O destaque fica para o console central, que abriga a tela do sistema multimídia R-Link 2 e nos remete ao interior dos atuais Volvo. O volante pode ser aquecido e o esquema de áudio é da grife Bose.

(Divulgação)

A Renault ainda não revelou todos os detalhes mecânicos do utilitário, mas o que se sabe é da existência da tração 4×4 com modos 2WD, 4WD Auto e 4WD Lock.

Mais do que isso, ele é recheado de equipamentos de segurança: sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, câmera de ré, alerta de pontos cegos, assistente para mudança de faixa, leitura de placas de sinalização e frenagem de emergência.