Drive Technology Holland lança sistema de transmissão sem engrenagens

Alternativa mais compacta e barata para caixa de transmissão é mais eficiente

SCHIJNDEL, Holanda, 19 de agosto de 2019 /PRNewswire/ — A empresa holandesa Drive Technology Holland desenvolveu um sistema de transmissão sem engrenagens, patenteado mundialmente, que pode melhorar significativamente a eficiência e o desempenho de carros (elétricos), outros veículos, navios, turbinas de vento, bicicletas e máquinas.

 

Dutch tech-company launches gearless drive system

 

A Drive Technology Holland é sediada na região de Eindhoven. A empresa de tecnologia está permanentemente envolvida no desenvolvimento de técnicas inovadoras há mais de dez anos. O novo sistema de transmissão já foi desenvolvido em um protótipo. A parte mais importante disso é o sistema de rotação controlada, que possibilita transmissão contínua sem o uso de engrenagens, correntes e óleo.

O sistema é propulsionado por uma correia dentada. Isso pode ser feito por uma correia dentada convencional ou por uma correia dentada desenvolvida pela Drive Technology Holland (correia de transmissão adaptativa), que usa elementos de deslizamento recém-desenvolvidos. Isso torna o sistema uma alternativa mais compacta, mais leve, mais barata, mais fácil de fazer a manutenção e mais amigável ao meio ambiente do que a caixa de transmissão tradicional.

O novo sistema de transmissão tem muitas vantagens e aplicações. O sistema assegura que todas as máquinas e veículos a que é aplicado não mais precisem de engrenagens e de óleo. Consequentemente, a resistência diminui, a eficiência aumenta e menos peças e matérias-primas são necessárias. Também é possível dirigir carros por força de propulsão. Com turbinas de vento, por exemplo, uma caixa de transmissão não é mais necessária, o que reduz a resistência e aumenta a eficiência. O uso do sistema em bicicletas torna o ciclismo mais leve. “Com esse sistema, você sente que está andando em uma bicicleta elétrica que, na verdade, é uma bicicleta normal”, disse o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da empresa, Harrie Essens.

O sistema de transmissão tem um eixo único e consiste de dois discos cônicos ajustáveis, que são autocentrados, com o uso dos elementos de deslizamento. Esses discos cônicos são movidos hidraulicamente para longe e para perto um do outro, fazendo com que os elementos de deslizamento se movam para cima e para baixo, por uma técnica de deslizamento. Isso cria um círculo maior ou menor para a correia dentada, resultando em aceleração ou desaceleração.

“Nosso sistema resultou, no final das contas, em um sistema de transmissão continuamente variável, acionado por uma correia dentada. Isso não pareceu tecnicamente possível, mas nós mostramos que é possível. Isso torna o sistema mais do que especial”, disse o diretor de Engenharia de Projeto, Jan de Wijs.

Na primeira apresentação do sistema de transmissão, a invenção foi erradamente comparada a sistemas de transmissão tradicionais que são usados pelo setor automobilístico há 50 anos. Entretanto, os dois sistemas são completamente diferentes. “Um sistema de transmissão tradicional tem dois eixos, enquanto o CRS só tem um eixo. Além disso, nosso sistema não aciona engrenagens. Em vez disso, é acionado por uma corrente dentada e não requer óleo, como acontece com sistemas de transmissão tradicionais. De fato, inventamos um sistema de transmissão completamente novo, continuamente variável, mas em uma versão aperfeiçoada, acionada por uma corrente dentada”, disse o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento, Harrie Essens.

Visite www.drivetechnologyholland.com . 

Foto – https://mma.prnewswire.com/media/961668/Drive_Technology_Holland.jpg 

 

 

FONTE Drive Technology Holland