Reino Unido lança novo jornal impresso depois de 30 anos

O jornal, da editora Trinity Mirror, destaca em sua primeira página uma coluna de Cameron pedindo o voto a favor da permanência do Reino Unido na União Europeia

O The New Day, primeiro jornal nacional impresso surgido no Reino Unido nos últimos 30 anos, chegou às bancas nesta segunda-feira, com um artigo do chefe de governo, David Cameron.

O jornal, da editora Trinity Mirror, destaca em sua primeira página a história de um menino de 5 anos que cuida de seus pais e uma coluna de Cameron pedindo o voto a favor da permanência do Reino Unido na União Europeia.

Apesar da queda de vendas dos jornais, que levou o The Independent a anunciar na semana passada que passaria a ser apenas digital, o novo jornal está convicto de que seu formato garantirá sua sobrevivência.

O tabloide tem 40 páginas, muitas fotos e matérias curtas combinadas com outras de interesse social e sua primeira edição foi gratuita. Depois custará 25 pence (0,35 dólar).