Receita da Abril Educação cresce 376% no 2º trimestre

Efeitos não recorrentes, como compra do Grupo Anglo, contribuíram para a alta; faturamento totalizou R$ 80 milhões no período

São Paulo – A Abril Educação divulgou, nesta terça-feira (16/8), seus resultados financeiros referentes ao segundo trimestre de 2011. No período, a receita da companhia cresceu 376% na comparação com os mesmos meses de 2010, alcançando 80 milhões de reais.

Segundo balanço da empresa, efeitos não recorrentes, como a aquisição do Grupo Anglo e da rede de escolas e cursos pré-vestibulares pH, contribuíram para a alta do faturamento. No semestre, a receita cresceu 132%, atingindo 283,8 milhões de reais.

A companhia encerrou o segundo trimestre com prejuízo de 37,2 milhões de reais. O resultado negativo foi impactado pelo aumento das despesas financeiras, principalmente pelas aquisições feitas no último ano. No acumulado do ano, o lucro líquido cresceu 47%, totalizando 5,6 milhões de reais.

No semestre, a companhia totalizou endividamento líquido de 535,2 milhões de reais e caixa de 192,4 milhões de reais. Quase 90% da dívida, no entanto, referem-se a débitos de longo prazo.

O balanço apresentado é o primeiro após a abertura de capital da Abril Educação no final do mês de julho.